Assembleia recebe Lei que visa redução de custos para registro de imóveis do Minha Casa, Minha Vida

A Assembleia Legislativa deve votar, na próxima semana, um Projeto de Lei encaminhado pela presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Judite Nunes, solicitando a redução dos custos para o registro de imóvel adquirido através do programa Minha Casa Minha Vida. O pedido é para que tal redução seja estendida também aos valores referentes ao Fundo de Compensação dos Registradores Civis de Pessoas Naturais e à Taxa de Fiscalização.

Trata-se de um anteprojeto de Lei Complementar que visa alterar a Lei nº 9.278/2009. Segundo o texto do Projeto, a atual Lei de Custas acata as reduções que diz respeito às custas e gratificações, mas não é expresso quanto à extensão deste benefício ao Fundo de Compensação. A iniciativa da proposta foi da Corregedoria de Justiça e o projeto aprovado por unanimidade no plenário do Tribunal de Justiça na sessão desta semana.

Esse artigo, caso aprovado, determina que as isenções e reduções previstas na Lei Federal 11.977 que criou o programa Minha Casa Minha Vida além de se aplicarem às custas e gratificações, aplicam-se também ao recolhimento devido ao Fundo de Compensação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais e à Taxa de Fiscalização Judiciária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

Recados assassinos

O assassinato da vereadora Marielle Franco tem todas as características de um recado. Foi friamente planejado, com o requinte de carros de tocaia, conhecedores dos

Leia Mais

20ª FIART é lançada oficialmente em Natal

Os artesãos seridoenses foram representados no lançamento oficial da 20ª Feira Internacional de Artesanato, nesta quinta-feira (15) em Natal, pela coordenadora Estadual do Artesanato, timbaubense Salmira

Leia Mais

Pega ladrão!

Pega ladrão! Este é o modelo de calcinha com porta… celular produzido pela DuLoren. A ideia não tem viés sexual e, sim, o de uma

Leia Mais

Festa de arromba

A formatura do curso Direito na Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN) terminou com um ato: LULA LIVRE! É a mesma universidade que

Leia Mais