Arthur Lira enviará reforma administrativa à CCJ nesta terça-feira

arthur lira foto agencia camara1 660x372 1 Arthur Lira enviará reforma administrativa à CCJ nesta terça-feira

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que vai encaminhar o texto da reforma administrativa para a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania nesta terça-feira (9).

A proposta de emenda à Constituição enviada em setembro de 2020 pelo governo federal (PEC 32/20) restringe a estabilidade no serviço público e cria cinco tipos de vínculos com o Estado. As mudanças só valerão para os novos servidores.

Lira quer dar celeridade à matéria. O texto precisa ter sua admissibilidade aprovada pela CCJ antes de seguir para comissão especial a ser criada para debater o tema.“Estarei encaminhando amanhã para a CCJ a reforma administrativa como o primeiro pontapé para a discussão dessa matéria. Estou me comprometendo a fazer a discussão e levar para o Plenário”, disse o presidente por meio de suas redes sociais nesta segunda-feira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Finalmente…

O PT fudeu-se novamente. E esperamos que para sempre. O choro é livre. Nossa Fátima Bezerra e Guia Dantas deveriam decretar luto oficial nesta segunda

Leia Mais

Rosalba anuncia cortes nos Poderes

Contenção de despesas com pessoal, suspensão da concessão de gratificações, proibição da contratação de cargos comissionados e suspensão de viagens são algumas das medidas adotadas

Leia Mais

Jácome em cima do muro

O deputado federal Antônio Jácome (PTN) está em cima do muro, quando o assunto é a Reforma da Previdência. Em sua página no Facebook, ele

Leia Mais

Afinal…

… Quem está com a palavra: O comandante-geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Osmar Maciel ou As Associações Representativas de Praças Policiais e Bombeiros Militares do RN.

Leia Mais