Dia: 17 de outubro de 2021

Fátima pé quente

A Governadora Fátima Bezerra foi assistir a vitória do ABC no frasqueirão. Foi paparicada por muitos torcedores que fizeram selfie com a gestora estadual. Sinal que está bem na fita. Não levou uma vaia.

É um canalha esquerdista: Alberto Fernández critica retirada de livros LGBTQIA+ de escolas em cidade espanhola

O Presidente da Argentina, Alberto Fernández, criticou neste domingo, 17, a decisão da Justiça da Espanha de retirar 32 livros com temática LGBTQIA+ de 11 escolas da província de Castellón. “A justiça espanhola, a pedido de advogados de extrema-direita ligados ao Vox (partido), eliminou das bibliotecas das escolas de uma cidade da Comunidade Valenciana os livros que atendem e promovem o respeito à diversidade, afetando assim os direitos da população LGBT”, afirmou Fernández em seu perfil no Twitter.

Entre os livros retirados está “O fim do armário”, do jornalista argentino Bruno Bimbi. Fernández elogiou o jornalista e afirmou ter lido a publicação. “Bruno é um jornalista maravilhoso que conheci durante o debate do casamento igualitário. Tive o prazer de ler justamente esse livro, que me ajudou muito a abrir minha mente”, acrescentou. Segundo Fernández, hoje em dia os “libertários discriminam e censuram” na Espanha. “Mas quero dizer que repudio qualquer tentativa de discriminação e censura onde quer que ocorra”, concluiu.

Fátima Bezerra já está em campanha fora de época: se os outros estão… logo… não vai só ficar comendo pipoca

A governadora Fátima Bezerra cumpre agenda a partir desta segunda-feira (18), até a quarta-feira (20), nos municípios de Parelhas (RN), Cruzeta (RN), Florânia (RN), Currais Novos (RN) e Patu (RN). Durante os três dias de compromissos administrativos, Fátima Bezerra anunciará e promoverá ações de melhorias nos cinco municípios.

Em Parelhas a governadora assina a Ordem de Serviço para a reforma do Terminal Rodoviário da cidade, anuncia a obra de recuperação e ampliação da ponte sobre o Rio Calderões, anuncia obra de saneamento básico e a criação da Companhia da Polícia Militar, com sede no município. A agenda no município contempla também a entrega de poços e a ordem de serviço para a construção de casas pelo programa Pró-Moradia.

E o primeiro dia de agenda pelo Seridó encerra em Cruzeta onde a governadora inaugura o recapeamento da RN-288, e participa da festa de Nossa Senhora dos Remédios, padroeira do município.

A agenda pelo interior segue na terça (19) em Florânia com a inauguração do Abatedouro Público e em Currais Novos, com diversos compromissos entre eles a assinatura do ato que cria o 13º Batalhão da Polícia Militar do RN.

Na quarta (20) em Patu, entre os compromissos da chefe do executivo estão: a Inauguração da Feira da Agricultura Familiar e entrega de Cheques aos Agricultores Beneficiados pelo Credmais, a solenidade de anuncio da Companhia Independente de Patu e a entrega da primeira Base do SAMU RN, no Médio Oeste Potiguar.

SERVIÇO

Evento: Agenda da governadora Fátima Bezerra em cinco municípios do RN

18/10

Parelhas: Início da agenda às 10h

Cruzeta: Início da agenda às 16h

19/10

Florânia: Início da agenda às 10h

Currais Novos: Início da agenda às 15h

20/10

Patu: Início da agenda às 8h

Natal cadastra idosos dos acamados para dose de reforço contra covid-19

Os responsáveis pelos idosos acamados domiciliados com idade a partir de 60 anos devem realizar o cadastrado do idoso no site https://vacina.natal.rn.gov.br/ solicitando que uma equipe de vacinação da Prefeitura do Natal, através da SMS, realize a dose de reforço da imunização contra Covid-19, a D3.

O cadastro prévio se faz necessário pelo fato de as equipes de vacinação estarem indo aos domicílios e muitos idosos não se encontram em casa, ou seja, não são considerados acamados. Em Natal, nas primeiras fases da campanha, cerca de 3.500 pessoas solicitaram esse tipo de atendimento. Devido à logística ser complexa, a SMS não está fazendo aviso antecipado de quando a equipe vai vacinar, pois considera o aviso prévio desnecessário uma vez que os idosos são considerados acamados.

“A dose de reforço é com o imunizante da Pfizer que exige uma temperatura adequada que dura apenas 6h e cada frasco possui apenas seis doses, então traçar as rotas e verificar se o idoso já completou os seis meses de quando recebeu a D2, exige toda atenção de nossas equipes. Por esse motivo, estamos pedindo o cadastro prévio”, explica o secretário municipal de Saúde, George Antunes.

Para as pessoas que não têm acesso à internet podem ir na Unidade Básica de Saúde mais próxima e solicitar a dose de reforço do acamado domiciliado.

ABC vence, conquista o acesso para a Série C e de quebra ‘salva’ o rival América; veja os gols

Jogando no Frasqueirão e contando com o apoio do torcedor pela primeira vez desde o início da pandemia, o ABC derrotou o Caxias (RS) por 3 a 0 e garantiu o acesso para o Campeonato Brasileiro da Série C em 2022. Os gols foram marcados por Felipinho, Wallyson e Negueba.

A equipe de Natal (RN) agora segue na disputa pelo título da competição. O adversário da semifinal será o Aparecidense/GO. O outro confronto é entre Campinense/PB e Atlético/CE. Os dias e horários das partidas ainda serão definidos pela Confederação Brasileira de Futebol.

O América, eliminado ontem pelo Campinense (PB), acabou herdando a segunda vaga do RN na Série D em 2022 e tentará pela 6ª voltar para a Série C.

VEJA OS GOLS

Primeiro:

Segundo:
Terceiro:

Grande Ponto

COVID: Brasil registra menor número de óbitos em 24h no ano e média de novos casos fica abaixo de 10 mil pela 1º vez desde maio de 2020

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste domingo (17):

– O país registrou 130 óbitos nas últimas 24h, totalizando 603.282 mortes;

Foi o menor número de óbitos em 24h neste ano.

– Foram 5.738 novos casos de coronavírus registrados, no total 21.644.464.

Pela primeira vez desde 14 de maio de 2020, a média de novos casos de Covid-19 no Brasil fica abaixo de 10 mil.

O Ministério da Saúde calcula que 20,7 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid-19.

A média movel de casos (9.806) está em queda de -36,27% em relação a 7 dias atrás e média móvel de óbitos(324) está em queda de -26,03% em relação a 7 dias atrás.

Fátima Bezerra perde para Carlos Eduardo e Álvaro Dias em Natal (RN)

O Instituto Real Time Big Data fez uma pesquisa com eleitores do Rio Grande do Norte (RN) simulando alguns cenários políticos no ano que antecede as eleições de 2022. Entre estes cenários, está uma espécie de raio x a respeito dos votos de cada uma das cinco regiões pesquisadas. Com a exceção de Natal, Fátima Bezerra vence em todas as outras áreas pesquisadas no estado.

Na capital potiguar, Fátima Bezerra é apenas a terceira colocada. Ela tem 20% das intenções de voto está atrás de Carlos Eduardo (27%) e também de Álvaro Dias (25%). No entanto, nas outras regiões, lidera com folga. No Oeste potiguar, a atual governadora do estado tem 31% das intenções de voto na região, contra 19% de Carlos Eduardo e 14% de Álvaro Dias.

32% dos eleitores do Agreste reelegeriam Fátima, enquanto 18% votaria em Carlos Eduardo e 13% em Álvaro Dias. Na região central, ela tem 34% dos votos, o dobro de Carlos Eduardo (17%) e mantém boa distância de Álvaro Dias (10%).

No Leste do RN, no entanto, a diferença é menor que nas outras regiões. Fátima tem 28% dos votos, Carlos Eduardo 21% e Álvaro Dias 12%.

A pesquisa foi realizada pelo instituto Real Time Big Data nos dias 13 e 14 de setembro de 2021 com 1.200 eleitores do Rio Grande do Norte em cinco regiões do Estado. O público em Natal corresponde a 25% da pesquisa, enquanto o litoral oriental/Leste potiguar, 24%. 13% dos entrevistados são do Agreste potiguar, enquanto 11% da região central do estado.

Os entrevistados do Oeste do RN correspondem a 26% dos entrevistados. Segundo o Real Time Big Data, a margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. Os números foram encomendados pela rádio 96 FM e pela Band Natal.

Agora RN

Gasolina, energia e alimentos: franceses pagam aumentos recordes de preços em 10 anos

Mesmo em um país rico como a França, a população também sofre com o impacto da forte alta dos preços da gasolina e dos alimentos ocorridos nos últimos meses. São os maiores reajustes registrados no país em dez anos.

O aumento galopante dos preços da energia e dos combustíveis é o tema mais debatido atualmente na França, principalmente porque ocorre no momento em que as temperaturas despencam no outono e o consumo de gás e diesel aumenta no inverno com o aquecimento das casas. Enquanto no Brasil, o preço do litro da gasolina chegou a quase R$ 7 em algumas cidades, os franceses estão pagando R$ 10 o litro (1,633 euro), devido à atual crise energética mundial.

O diesel bateu o recorde de reajuste em dez anos, a R$ 9,80 o litro (1,535 euro em 8 de outubro). São valores que representam uma alta de 28% em relação a outubro do ano passado. O problema é que além dos combustíveis e da energia, os preços de alguns alimentos também dispararam.

Frutas e legumes tiveram alta de 34% em média, em um ano, depois de uma primavera excepcionalmente chuvosa que afetou 60% da colheita. A menor oferta encareceu automaticamente os produtos. O trigo, muito consumido no país da baguete, teve um aumento de 26%. Já o óleo de cozinha subiu +28% em junho e +39% em setembro, alavancado pelo aumento das matérias-primas no mercado mundial.

Em geral, os preços dos alimentos na França são mais caros do que em países vizinhos, como Alemanha, Espanha, Itália ou Portugal. O quilo da carne moída nos açougues franceses, um dos cortes mais baratos, estava custando o equivalente a R$ 69 na semana de 4 de outubro. O quilo do frango, inteiro, sem corte, custava em média o equivalente a R$ 36, segundo dados do Ministério da Agricultura e da Alimentação (www.franceagrimer.fr).

Inflação em alta

Em setembro, a taxa anual da inflação chegou a 2,2%. O banco central francês acredita que a explosão de preços será temporária, por estar ligada à retomada econômica após um ano de baixa atividade causada pela pandemia de covid-19. Mas, parte da população não tem como arcar com esses aumentos. Na vida real, a inflação no bolso do consumidor francês parece muito maior do que a apontada pelos números oficiais. Em 2019, ano de surgimento do coronavírus, a inflação anual foi de 1,1%, segundo o Insee (Instituto Nacional de Estudos e Estatísticas).

Em comparação com o Brasil, esses índices podem parecer baixos, mas, segundo estudo da consultoria Deloitte, 45% das pessoas que trabalham com contrato assinado, em emprego formal na França, não terão qualquer reajuste de salário este ano. Os trabalhadores menos qualificados, as famílias de baixa renda, estudantes que dependem de bicos para viver e desempregados são os mais impactados pela alta dos alimentos e da energia. São despesas essenciais do dia a dia.

Como baixar a conta?

O governo estuda formas para aliviar essa pressão no bolso dos consumidores. Cerca de 6 milhões de famílias pobres já recebem uma vez por ano do Estado um “cheque energia” para cobrir uma parte dos gastos com eletricidade e o aquecimento das casas. O montante pago em média é de 150 euros, o equivalente a R$ 960. Agora, com a alta dos preços da gasolina e do gás, o governo adicionou 100 euros para essas famílias, que irão receber o cheque pelo correio em dezembro.

Muitos economistas e políticos sugerem uma redução temporária dos impostos cobrados no litro dos combustíveis, que representam 60% do preço de venda nos postos. A União Europeia recomenda esta medida, entre outras, mas o governo francês hesita porque ela também iria beneficiar pessoas que compram carros grandes, modelos do tipo SUV, conscientes de que o consumo é maior. Seria injusto do ponto de vista da redistribuição, de acordo com alguns analistas, e também enviaria uma mensagem negativa em um momento em que a ordem é diminuir o consumo de combustíveis fósseis para limitar o aquecimento global.

Por outro lado, a classe média baixa, que usa carro pequeno e depende do veículo para trabalhar, não tem como absorver esses aumentos. Por isso, o governo deve anunciar novas medidas de compensação nos próximos dias.

O assunto é explosivo a seis meses das eleições presidenciais. Ninguém esquece que foi uma alta recorde nos preços do litro dos combustíveis que deu início ao movimento dos coletes amarelos em outubro de 2018.

UOL 

Tadeu limpou Caicó (RN)

O Prefeito de Caicó (RN), Dr. Tadeu, comemorou que a cidade de Caicó está ‘saindo do CADIN’ – Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal, o que impedia o Município de receber recursos federais.

“Com a emissão dessa certidão, o próximo passo é a cidade de Caicó deixar de constar na indesejada lista do Cadin e ter o Cauc ( Sistema de Informações sobre Requisitos Fiscais ) regularizado”, detalha o secretário Salmo Batista.  

Segundo Dr. Tadeu, o município tem quase R$ 11 milhões de reais para serem investidos, dependendo dessas certidões negativas para assinar os convênios com a Caixa Econômica Federal: “cerca de R$ 6,7 milhões para o Ciscom, conseguidos pelo ministro Rogério Marinho, emendas de cerca de R$ 800 mil do deputado João Maia, R$ 1 milhão do General Girão, mas o nome sujo da cidade não deixava que esses recursos chegassem de fato”, revela o gestor.

Ih! Sujou pra Fátima Bezerra

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) identificou falhas nas contas do Governo Fátima referentes ao ano de 2019.

A Tribuna do Norte impressa deste domingo (17) trouxe uma reportagem onde mostra que o Governo Fátima Bezerra, cancelou despesas empenhadas (Restos a Pagar Processados) no valor de R$ 13,8 milhões, levantando nos auditores do Tribunal a suspeita de enriquecimento ilícito do Estado.

Outra falha identificado por auditores é que o Governo Fátima extrapolou os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal em gastos com pessoal.

O Governo nega enriquecimento ilícito do Estado e alega as folhas em atraso da gestão anterior para justificar as inconsistências nas contas.

É aguardar o julgamento pelos Conselheiros. O relator do processo é Carlos Thompson Fernandes.

Heitor Gregório

Natal (RN) amplia D3 para profissionais da saúde e trailer de vacinação segue para Tirol

Nesta segunda-feira (18) a Prefeitura do Natal (RN) ampliará o público da terceira dose contra a Covid-19. Os profissionais e trabalhadores da saúde, com 18 anos e mais, poderão receber a D3 em qualquer ponto da cidade desde que tenham completado o esquema vacinal, com duas doses, há pelo menos seis meses (180 dias). Ainda é necessário apresentar um documento funcional para receber o imunizante: crachá, contracheque ou carteira do Conselho da profissão.

Outra novidade é que após ter aplicado mais de 1.300 vacinas contra a Covid-19 no Alecrim, o trailer de vacinação de Natal vai estacionar na próxima segunda-feira (18) no bairro de Tirol, em frente à sede central do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN). A Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS/Natal) escolheu o novo ponto com base na grande circulação de pessoas na região, já que o ponto é situado no cruzamento da Av. Nevaldo Rocha com Av. Hermes da Fonseca, ao lado do Midway Mall.

O trailer tem previsão inicial de permanecer em frente ao IFRN Central entre os dias 18 e 22 de outubro, mantendo o funcionamento das 08h às 15h, sempre de segunda a sexta-feira. Na unidade de vacinação volante é possível receber a primeira, a segunda ou a terceira dose dos imunobiológicos contra a Covid-19. Qualquer munícipe de Natal pode receber a vacina desde que esteja portando a documentação necessária e dentro dos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde. Mais informações podem ser conferidas no http://vacina.natal.rn.gov.br .

Em três semanas de funcionamento do trailer de vacinação na cidade, montado em parceria com o Procon Natal, foram atendidas 1.343 pessoas. “Essa é mais uma forma de ampliar a cobertura vacinal em Natal,e por isso pretendemos colocar esse ponto volante em locais onde há boa circulação de pessoas ou grandes centros comerciais da cidade. A escolha dessa segunda parada no Tirol demonstra bem essa estratégia”, afirma o secretário municipal de Saúde, George Antunes.

Governadora atende pleito de Ezequiel e transforma Companhia em Batalhão de Polícia em Currais Novos (RN)

Atendendo um pedido do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), a governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou a transformação da 3ª Companhia Independente de PM (CIPM) no 13º Batalhão de Polícia Militar (13º BPM), localizado no município de Currais Novos. O decreto foi publicado no diário oficial desta sexta-feira (15).

“Esse é um sonho antigo que trago comigo e hoje tenho a alegria de ver concretizado. Isso significa mais segurança para o povo da minha terra, mais viaturas, melhores condições de trabalho e melhor estrutura para os policiais guerreiros de Currais Novos que já fazem um excelente trabalho”, celebrou Ezequiel.

Desde 2019 que o deputado Ezequiel buscava a transformação do CIPM em Batalhão de Polícia para Currais Novos, considerando o crescimento populacional da cidade, o aumento da insegurança e a necessidade dos policiais de melhores condições de trabalho.

“Desde sempre o deputado Ezequiel tem lutado por melhorias na área da segurança, beneficiando Currais Novos e toda região. Agora o grande sonho de termos um batalhão de polícia é real”, disse o Tenente Coronel Moacir, que tem seu nome cotado para comandar o 13º Batalhão.

Com a mudança, os municípios de Lagoa Nova e Parelhas passam a ter as suas Companhias de Polícia. Acari ganha um pelotão e mais três cidades irão integrar o 13º Batalhão, que são: Tenente Laurentino Cruz, Florânia e Santana do Matos, somando-se a Currais Novos, Lagoa Nova, Cerro Corá, Bodó, Parelhas, Equador, São Vicente, Acari e Carnaúba dos Dantas.

CPI da Covid cancela dois últimos depoimentos e adia apresentação do relatório final

A CPI da Pandemia anunciou, neste domingo (17), o adiamento da entrega do relatório final, que ainda não tem data para ser apresentado.

Pelo calendário mais atualizado, a segunda-feira (18) será dedicada a depoimentos com familiares de vítimas da Covid-19. Já na terça (19), dia em que o relatório final seria lido, será ouvido Elton da Silva Chaves, representante do Conasems (Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde), cujo depoimento estava previsto para segunda.

À CNN, o relator Renan Calheiros (MDB-AL) disse que ainda não foi definida a data de apresentação do relatório da CPI. “Da minha parte, acho que teremos mais tempo para discutir o parecer e melhor encaminhar um desfecho”, afirmou o senador. Ele disse ter sido consultado pelo presidente da CPI, senador Omar Aziz (AM), sobre o adiamento e ter concordado com a decisão.

Calheiros confirmou ainda à CNN que haverá uma reunião com o G7 (o grupo majoritário da CPI) nesta segunda-feira à noite, quando devem ocorrer novas definições sobre a reta final da comissão.

(mais…)

Polícia Civil inicia operação de combate à violência contra idosos no RN

A Polícia Civil iniciou nesta semana no Rio Grande do Norte a Operação Vetus 2, que tem o intuito de combater a violência contra idosos no estado. A ação segue até o dia 18 de novembro.

Na operação, os profissionais de segurança pública vão apurar denúncias feitas através do Disque 100, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), e de canais locais que tratem da violência contra os idosos.

A Polícia Civil também prevê a instauração e conclusão com maior celeridade neste período de procedimentos investigativos, além de visitas a residências de vítimas, cumprimento de mandados e medidas protetivas neste período.

Em 2020, a operação foi de outubro até dezembro e verificou mais de 250 denúncias, segundo a Polícia Civil.

A operação faz parte de uma mobilização nacional coordenada e articulada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi).

(mais…)

Inmet emite alerta de baixa umidade para 35 municípios do Rio Grande do Norte

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu uma alerta de baixa umidade para 35 municípios do Rio Grande do Norte. O aviso é válido até 18h deste domingo (17) e atinge principalmente os municípios do Alto Oeste.

De acordo com o órgão, a umidade relativa do ar vai variar entre 30% e 20% e há um baixo risco de incêndios florestais e também à saúde.

Apesar disso, as recomendações do instituto é para que as pessoas bebam bastante líquido, evitem desgaste físico nas horas mais secas e evitem exposição ao sol nas horas mais quentes do dia.

O alerta tem o grau de severidade de “perigo potencial”, o mais leve em uma escala de três.

Além do RN, a baixa umidade vai afetar cidades da Paraíba, Pernambuco, Ceará, Piauí e Bahia.

  1. Água Nova
  2. Alexandria
  3. Almino Afonso
  4. Antônio Martins
  5. Apodi
  6. Coronel João Pessoa
  7. Doutor Severiano
  8. Encanto
  9. Francisco Dantas
  10. Frutuoso Gomes
  11. Itaú
  12. João Dias
  13. José da Penha
  14. Lucrécia
  15. Luís Gomes
  16. Major Sales
  17. Marcelino Vieira
  18. Martins
  19. Paraná
  20. Pau dos Ferros
  21. Pilões
  22. Portalegre
  23. Rafael Fernandes
  24. Riacho da Cruz
  25. Riacho de Santana
  26. Rodolfo Fernandes
  27. São Francisco do Oeste
  28. São Miguel
  29. Serrinha dos Pintos
  30. Severiano Melo
  31. Taboleiro Grande
  32. Tenente Ananias
  33. Umarizal
  34. Venha-Ver
  35. Viçosa

RN não registra mortes por Covid nas últimas 24 horas; novos casos são 38

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (17). São 370.895 casos totalizados. Na sexta-feira (15) eram contabilizados 370.791, ou seja, 104 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 38 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.364 no total. Sem registro de óbitos ocorridos nas últimas 24h. No sábado (16) eram 7.363 mortes. A Sesap registrou 01 morte após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.319.

Recuperados são 260.484. Casos suspeitos somam 178.671 e descartados são 746.633. Em acompanhamento, são 103.047.

Em 2050, a maior parte da eletricidade no Brasil será solar e gratuita

Segundo a Empresa de Pesquisa Energética, 1,5 bilhão de MWhs por ano dariam conta desta tarefa.

Para termos essa quantidade de energia gerada, precisaríamos instalar 500.000 MWP em energia solar a um custo de 2 trilhões de reais.

Se dividirmos esse número por 5 anos (tempo em que o sistema se paga) teríamos um custo de 400 bilhões de reais por ano, suficiente para que toda geração de energia destinada à mobilidade no Brasil seja gratuita, pelos 20 anos seguintes.

E como fica a energia que não é destinada à mobilidade?

Segundo a EPE, a quantidade de energia destinada a aplicações estacionárias no Brasil também é de 1,5 bilhão de MWhs por ano.

Diferente da energia destinada à mobilidade, que armazena a eletricidade nas baterias embarcadas nos automóveis, a energia elétrica para aplicações estacionárias não dispõe de armazenagem imediata. A implantação de um conjunto de baterias em residências e edifícios (equivalente ao uso móvel) é inviável, em função dos custos envolvidos (40 trilhões de reais).

O Brasil tem sorte, pois a energia hidrelétrica tem potencial para ser a “bateria” do sistema estacionário. Para que esta “bateria” suporte a implantação da energia solar na base, ela deve ser otimizada através da redução das perdas do sistema, incremento da eficiência energética e repotenciação das usinas.

(mais…)

MST planeja ocupar terras da Barragem de Oiticica, Emparn e invadir fazendas na Região do Seridó

Agropecuaristas do Seridó do Rio Grande do Norte (RN) estão em alerta com a instalação de diversos acampamentos do Movimento Sem Terra (MST), que estão sendo convocados em direção a região.

Áudios do MST que circulam nas redes sociais, revelam que o grupo pretende invadir três propriedades rurais, duas delas  pertencentes ao ex-deputado estadual Dadá Costa e empresário Jair Paulino (proprietário do Grupo Paulino).

A outra propriedade seria uma fazenda experimental da EMPARN, localizada entre Caicó (RN) e Jucurutu (RN),  onde um grupo encontra-se acampado desde as primeiras horas deste domingo (17).

Nos áudios o grupo também fala na ocupação  das terras da barragem de Oiticica no município de Jucurutu (RN).

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 35,1%; Seridó tem 20%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 35,1%, registrada no início da tarde deste domingo (17). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 119.

Até o momento desta publicação são 124 leitos críticos (UTI) disponíveis e 67 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 95 disponíveis e 52 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 37,9% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 31,8% e a Região Seridó tem 20%.

COVID: RN possui 124 leitos críticos e 95 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h10 deste domingo (17).

Neste período, havia 05 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e outros 02 aguardavam avaliação. Foram registrados disponíveis 124 leitos críticos e outros 95, sendo clínicos.

Multas por excesso de velocidade no Brasil aumentaram 92,2% neste ano; Foram 11,8 milhões de infrações até setembro

As multas por excesso de velocidade no Brasil dobraram neste ano. De janeiro a setembro, as infrações por ultrapassar o limite máximo permitido na via em até 20% aumentaram 92,2% em relação ao mesmo período de 2020, passando de 6,1 milhões para 11,8 milhões.

Os números são do Ministério da Infraestrutura, registrados nas rodovias federais pela Polícia Rodoviária Federal em todo o país.

O ranking das infrações mais aplicadas teve poucas alterações em relação ao ano passado. A liderança continua com a de excesso de velocidade em até 20%, que é considera infração média, com valor de R$ 130,16 e 4 pontos na CNH.

Em segundo lugar está a de velocidade superior à máxima permitida em mais de 20% até 50%, que aumentou mais ainda, 137,7%, com um total de 2,1 milhões de notificações.

Avançar o sinal vermelho do semáforo vem na sequência, com crescimento de 22%. Outra infração que dobrou é deixar de usar o cinto de segurança na hora de dirigir, com 1 milhão de autuações contra 514 mil do ano passado, um aumento de 107%. Dirigir veículo segurando telefone celular é a sétima multa mas registradas, com aumento de 17,7%, num total de 493.178 autuações. Outro ponto que chama a atenção é a infração por dirigir veículo sem CNH ou permissão para dirigir, que teve aumento de 136%.

(mais…)

Mais de 10 milhões de trabalhadores ainda não sacaram fundo do PIS-Pasep

Liberado desde agosto de 2019, o saque das contas dos fundos do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) está esquecido por muitos trabalhadores. Segundo a Caixa Econômica Federal, cerca de 10,5 milhões de brasileiros ainda não retiraram e o valor equivale a R$ 23,3 bilhões.

Tem direito ao saque quem trabalhou com carteira assinada na iniciativa privada entre 1971 e 4 de outubro de 1988. Os interessados devem procurar a Caixa Econômica Federal para retirar o dinheiro. O prazo para o saque vai até 1º de junho de 2025. Após essa data, o dinheiro será transferido à União.

Até maio de 2020, a Caixa administrava apenas as cotas do PIS, destinadas aos trabalhadores do setor privado. No entanto, o Banco do Brasil (BB), que gerenciava o fundo do Pasep, destinado a servidores públicos, militares e funcionários de estatais, transferiu as cotas para a Caixa, o que permitiu a unificação dos saques.

O saque pode ser pedido no aplicativo Meu FGTS, que permite a transferência para uma conta corrente. A retirada em espécie varia conforme o valor a que o beneficiário tem direito. O saldo pode ser consultado no aplicativo, no site do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ou no internet banking da Caixa.

(mais…)

“Petrobras não tem nem a capacidade, nem a legitimidade para controlar os preços de combustíveis praticados no Brasil”, diz Silva e Luna

O general Joaquim Silva e Luna, presidente da Petrobras, afirma que as críticas a estatal é uma espécie de “caça ao bode expiatório” pelo preço dos combustíveis. Ele diz, no entanto, que a empresa não controla o preço da gasolina e do diesel.

O fortalecimento do dólar em âmbito global e, em especial, no Brasil, tem alavancado os preços das commodities e incrementado a inflação. Mas essas incômodas verdades não parecem muito apelativas”, afirmou Silva e Luna ao portal UOL, em uma entrevista publicada neste domingo (17).

É importante entender que a Petrobras não tem nem a capacidade, nem a legitimidade para controlar os preços de combustíveis praticados no Brasil”, diz Silva e Luna.

A política de preços da Petrobras define quanto as refinarias vão pagar com base nos preços cobrados internacionalmente pelo petróleo e a cotação do dólar. O chamado PPI (Preço de Paridade de Importação) foi instituído em 2016, durante o governo de Michel Temer (MDB).

Com a alta do preço dos combustíveis, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) falou em privatizar a Petrobras. O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), também citou a possibilidade na última semana.

(mais…)

Ciro já gastou mais de 1 milhão com ex-marqueteiro do PT

Ciro Gomes jamais conseguirá vencer uma eleição presidencial. Não tem base sólida. É um poço de incoerência.

Nos últimos dias Ciro começou uma briga com o PT. Certamente foi orientado no sentido de que bater no PT dá retorno. Então, dá-lhe Ciro a bater em Lula e em Dilma. Aliás, uma tarefa fácil. A informação é do Jornal da Cidade Online.

Com boa oratória, às vezes Ciro até impressiona alguns incautos, porém, o seu passado o condena.

No pleito eleitoral de 2018, quando Ciro sonhava em ter o apoio de Lula, ele chegou a ameaçar “sequestrar” o petista e levá-lo a uma embaixada, com um pedido de asilo, caso Lula tivesse sua prisão decretada.

“Se a gente formar um grupo de juristas, a gente pode pegar o Lula e entregar numa embaixada. À luz de uma prisão arbitrária, um ato de solidariedade particular pode ir até esse limite. Proteger uma pessoa de uma ilegalidade é um direito”, pregou o canastrão.

O mesmo Ciro hoje denuncia a corrupção do PT e paga R$ 250 mil por mês, com recursos do fundo eleitoral, justamente para o ex-marqueteiro do PT.

João Santana, desde abril deste ano, cuida da estratégia de comunicação e propaganda de Ciro.

(mais…)

Apostador de Santos ganha R$ 11,5 milhões na Mega-Sena com bilhete simples

Um apostador em Santos, no litoral de São Paulo, ganhou mais de R$ 11 milhões no sorteio 2.419 da Mega-Sena, realizado na noite de sábado(16), em uma única aposta. De acordo com a Caixa Econômica Federal, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, em uma aposta simples e com seis dezenas.

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada, ou seja, quantos mais números e apostas, mais chances de ganhar. Se para a simples de seis dezenas a chance de ganhar passa de 50 milhões, com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003.

No concurso desse sábado, as dezenas foram sorteadas foram: 10 – 35 – 43 – 48 – 50 – 53. O bilhete preenchido pelo ganhador da cidade era de uma aposta simples, e ele gastou R$ 4,50 para fazer o jogo registrado na Lotérica Estrela, na Avenida Conselheiro Rodrigues Alves. A cota única foi de R$ 11.509.541,30.

Outras 31 apostas foram vencedoras na quina e cada um dos ganhadores levou a quantia de R$ 83.364,16. Já a quadra teve 3.078 apostas ganhadoras, sendo que cada uma delas receberá R$ 1.199,42.

Condenação de ex-presidente da Petrobras e do BB é mantida pelo TRF-4

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) confirmou a condenação do ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, Aldemir Bendine, pelo crime de corrupção passiva em ação da Lava Jato. Bendini atuou durante o governo de Dilma Rousseff.

A decisão da 8ª Turma foi unânime e o julgamento realizado na quarta-feira (13). O colegiado manteve a pena em seis anos e oito meses em regime fechado. Além dele, outros dois réus do processo também tiveram as condenações confirmadas pelo TRF4: o operador financeiro e publicitário André Gustavo Vieira da Silva, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, e o ex-executivo da Odebrecht Fernando Luiz Ayres da Cunha Santos Reis, por corrupção ativa.

De acordo com o Ministério Público Federal, o Grupo Odebrecht teria feito o pagamento de vantagem indevida de R$ 3 milhões entre junho e julho de 2015 a Bendine.

TCE vê indícios de enriquecimento ilícito nas contas do Governo Fátima

Em análise no Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte (TCE/RN), o Relatório Anual das Contas do Governo do Estado aponta que em 2019, no seu primeiro ano de gestão, o governo Fátima Bezerra, cancelou despesas empenhadas (Restos a Pagar Processados) no valor de R$ 13,8 milhões, levantando nos auditores do Tribunal a suspeita de enriquecimento ilícito do Estado. Outro apontamento é que a gestora listou gastos com pessoal, sem prévia dotação orçamentária, com o Estado extrapolando o limite imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O Governo nega a possibilidade de enriquecimento ilícito e argumenta que essas inconsistências se justificam pela reforma administrativa e omissões nas contas da gestão anterior, incluindo as folhas em atraso, alegando ainda que o gasto com pessoal observou a projeção de crescimento da receita.

Essas justificativas, junto ao relatório, estão sendo analisadas pelo Ministério Público de Contas e embasarão o voto do conselheiro do TCE, Carlos Thompson Fernandes, relator do processo que julga as contas do primeiro ano de Fátima Bezerra à frente do Governo Estadual. Nem o conselheiro, nem os auditores da comissão falaram sobre o assunto, uma vez que as finanças ainda não foram julgadas e nem há uma data definida para esta e nem para aquelas do último ano do ex-governador Robinson Faria, que teve contas de sua gestão reprovadas pelo TCE, que indicou a até a existência de crime de responsabilidade. O ex-governador, no entanto, conseguiu reverter a situação na Assembleia Legislativa.

Leia a notícia completa aqui na Tribuna do Norte.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias

Cadê o dinheiro que estava aqui?

A Justiça condenou o ex-prefeito de Patu, Possidônio Queiroga, em virtude de pagamento indevido de R$ 162.796,04, referente a obra não realizada. O dinheiro tem

Leia Mais

Reforma passa com toma lá dá cá

Para empurrar goela-abaixo a indigesta reforma da Previdência, o Governo não precisou apenas da liderança do presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Teve que usar dos

Leia Mais