Dia: 5 de julho de 2020

Sistema Único de Saúde recebe R$13 bilhões do Governo Federal para a Covid-19

O governo federal autorizou o repasse imediato de mais de 13 bilhões de reais para o Sistema Único de Saúde, reforçando, assim, o enfrentamento à Covid-19. Essa foi a maior liberação feita em uma única fase. Os recursos serão destinados à melhoria da oferta dos serviços hospitalares e de Atenção Básica por meio da aquisição de insumos e produtos, custeio de intervenções médicas, entre outros.

Continue lendo

Todos os municípios do RN têm casos confirmados da Covid-19

Todos os 167 municípios do Rio Grande do Norte têm hoje casos confirmados de Covid-19. Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), o Estado acumula 34.645 registros de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. O número de mortes relacionadas com a doença alcançou a marca de 1.213 entre os potiguares. Segundo o mais novo boletim, as cidades de Água Nova (Alto Oeste) e João Dias (Oeste) foram as duas últimas cidades potiguares a contabilizar novos casos da doença. Os dois municípios têm apenas um caso confirmado, respectivamente. O Estado registrou o primeiro caso da doença no dia 12 de março. A notícia de que todas as cidades potiguares têm casos da doença acontece no primeiro fim de semana após o início da flexibilização de parte das atividades econômicas. O Governo do Estado autorizou a retomada de parte do comércio na última quinta-feira (02). Ainda de acordo com a Sesap, o Rio Grande do Norte teve aumento de 13 mortes em relação ao boletim do último sábado, quando o Estado somou 1.200 óbitos. Com relação aos casos de infecção pelo novo coronavírus, os números passaram de 33.910 para 34.645, ou seja, aumento de 735 casos.

COVID-19: Quinto óbito é registrado em Caicó

Em Caicó, a Secretaria Municipal de Saúde comunica o QUINTO ÓBITO, ocorrido hoje(05) no Hospital Regional do Seridó. Trata-se de um homem de 51 anos, com comorbidades, residente no bairro Barra Nova. Oportunamente ressalta-se que o final de semana, especialmente o domingo, é um dia atípico no registro de casos tendo em vista o não funcionamento das Unidades Básicas de Saúde que realizam Testagem Rápida, os laboratórios privados estarem fechados os quais realizam exames de Swab e Sorologia e no dia de hoje não termos recebido nenhum resultado de exame do LACEN. Portanto, a ausência de novos casos confirmados de Covid-19 pode não representar, necessariamente, ausência de novos casos de Covid-19 no município de Caicó.

RN soma 34.645 infectados por Covid-19 e 1.213 mortes por causa da infecção

O número de mortos por Covid-19 no Rio Grande do Norte chegou a 1.213, de acordo com a atualização deste domingo (5), da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap). São 13 mortes em relação ao último boletim. Ainda há 171 óbitos em investigação. Os casos confirmados da doença são 34.645, mais 735 casos comparados com o boletim de sábado (4). Na sexta-feira (3), o secretário-adjunto da Sesap, Petrônio Spinelli, afirmou que: “aparentemente, estamos entrando numa fase menos dramática. Mas a maioria dos pacientes que morrem estão internadas em leitos de UTI. Digo isso para que as pessoas percebam o quanto essa doença é grave”.

Jornalista Paulo Macedo morre aos 88 anos

A jornalista Paulo Macedo morreu na tarde deste domingo por Covid-19. Na última quarta, Paulo sofreu um acidente doméstico e fraturou o fêmur. Depois de atendido no pronto socorro do Walfredo Gurgel, foi encaminhado para o Hospital Memorial, onde passou por uma cirurgia na manhã de sexta-feira. NOTA OFICIAL “A Academia Norte-rio-grandense de Letras, com consternação dos seus membros, cumpre o doloroso dever de comunicar o falecimento do Acadêmico e Vice-Presidente da instituição, Jornalista Paulo Macedo, ocorrido hoje à tarde, no Hospital Memorial São Francisco, em Natal, vítima do Covid-19. Oportunamente serão informadas as homenagens fúnebres.”

Quem tem “inveja” de roubo Lula?

Em depoimento como testemunha de defesa de Cândido Vaccarezza, Lula afirmou que “o presidente Bolsonaro deve estar com inveja de como é que funcionava no meu mandato”. INVEJA DO ROUBO? É somente uma pergunta. Só se for. É pra rir e mijar nas calças.

“As cinzas de Wanderley Mariz”

Como o blogue do Xerife já tinha dito está confirmado que as cinzas do ex-deputado federal Wanderley Mariz serão sepultadas em Caicó (RN), no túmulo do seu pai Dinarte Mariz no Cemitério São Vicente de Paula. Será dia 02 de novembro, quando Wanderley completaria 80 anos. Homenagem da família.

Guia Dantas contra a “advogada” no Twitter

Do Twitter da Assessora de Comunicação do Governo do Estado, Guia Dantas: A ‘advogada’ volta à carga e denuncia o Governo por antecipar R$ 1,75 mi a uma OS para aquisição de UTIs no João Machado. Só esqueceu de dizer que o adiantamento se deu após decisão da Justiça Federal e aquiescência do MPRN e Cremern. É luta.

Pernambuco diz ao TCE que deixará de fazer compras pelo Consórcio NE, viu Fátima?

A Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco enviou ofício do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para informar que o Estado não irá mais realizar compras para o enfrentamento da Covid-19 através do Consórcio Nordeste. A decisão do Governo seu deu após um alerta feito pelo conselheiro Carlos Porto, relator das contas da Saúde no tribunal. “Esta secretaria não mais realizará aquisições para o enfrentamento ao coronavírus mediante a transferência de recursos ao Consórcio Nordeste, bem como adotará, em relação aos valores ainda não devolvidos, as medidas necessárias ao ressarcimento dos valores repassados nos dois contratos de rateio cujos objetos não foram executados”, informou o secretário André Longo, em ofício ao TCE. O Consórcio Nordeste é formado por todos os estados da região, e foi criado com o objetivo de facilitar compras e negociações em comum para os nordestinos. Com a pandemia, utilizaram este mecanismo para comprar respiradores. Só que, em uma das compras, foram pagos mais de R$ 48 milhões de forma antecipada e os equipamentos não foram entregues. Nem o dinheiro devolvido, até agora. Dessa quantia, R$ 4,8 milhões são do Rio Grande do Norte. Grande Ponto

Bottas vence o GP da Áustria

Com uma atuação segura, bem a seu estilo, destoando dos adversários em uma corrida caótica e com vários abandonos, o finlandês Valtteri Bottas sustentou a primeira colocação do começo ao fim e venceu o GP da Áustria, faturando a primeira vitória da temporada de 2020 da Fórmula 1. Ele mostrou tranquilidade para resistir às investidas do companheiro de Mercedes Lewis Hamilton, que foi punido e ficou fora do pódio. Bottas conquistou a oitava vitória na carreira, a segunda no circuito Red Bull Ring de Spielberg, na Áustria. O finlandês da Mercedes fez a pole no treino classificatório e teve tranquilidade e competência para manter o primeiro lugar até o fim, finalizando a corrida em 1h30min55s739. “Lewis estava veloz hoje, mas eu consegui manter a calma. Não há melhor jeito de começar a temporada”, celebrou.

Covid-19: médicos do RN mandam que nos primeiros sintomas procurem tratamento

CARTA À POPULAÇÃO Aos primeiros sintomas da COVID-19, procure um serviço de saúde, não fique em casa esperando a falta de ar! Essa doença tem tratamento e ele deve ser iniciado o mais precocemente possível! Frente à pandemia da COVID-19 e em respeito à vida dos nossos pacientes, nós médicos abaixo relacionados informamos à população do RN que apoiamos os protocolos de tratamento precoce e prevenção da COVID-19 do Ministério da Saúde, do CREMERN e da PMN. Defendemos o tratamento precoce baseado em mais de 40 trabalhos científicos que demonstraram melhores resultados em pacientes que usaram medicamentos nas fases iniciais da COVID-19. Somos médicos de diversas especialidades que trabalham em unidades básicas, ambulatórios, consultórios, enfermarias de hospitais, UTIs e unidades de emergências. Estamos convictos da necessidade de tratamento nas fases iniciais da COVID19, considerando a gravidade e a incerteza da evolução dessa doença e seu forte impacto nos sistemas de saúde do mundo inteiro. Milhares de médicos têm observado que tratar logo no início a COVID19 evita a necessidade de internação, de entubação e ventilação mecânica e diminui o risco de morte. Estas observações têm se repetido em vários estados do Brasil e em países europeus. O tratamento precoce salva vidas, emprega medicamentos antigos e seguros, é simples e acessível a todos! Em momentos de pandemia, não podemos esperar as evidências de estudos científicos robustos, pois eles são demorados e complexos de realizar. Nossa proposta baseia-se nos estudos  observacionais, nos conhecimentos fisiopatológicos da COVID 19, na farmacologia dos medicamentos propostos e no bom senso, que devem guiar sempre a boa prática médica! 1. Rosa Maria P Valle CRM 1123 2. Ana Hilda Câmara Mariz CRM 2247 3. Maria de Fátima de Medeiros Faria Jácome Britto CRM 2889 4. Lilia Pereira Duarte CRM 3146 5. Kyvia Bezerra Mota CRM 3183 6. Mércia Maria da Silva CRM 3521 7. Analia Maria S T de Lira CRM 3536 8. Breno Barth CRM 3555 9. Thiago duarte Barros CRM 3699 10. Flávio Ribeiro Dantas CRM 4703 11. Iara Marques de Medeiros CRM 2300 12. Lúcia de Fátima M da Cunha CRM 1893 13. Maria Helena V.A.D. Cantidio CRM 2748 14. Gutembergh Nóbrega CRM 2357 15. Margareth Vilar CRM 2710 16. Patrícia Leda Jales de Brito CRM4561 17. Romeika Castro de Andrade Mendes CRM5227 18. Maria da Conceição Câmara da Silva CRM 3810 19. Camila de Medeiros Costa CRM 4578 20. Henrique Eduardo Macedo Fonseca CRM 2986 21. Tereza Beatriz de Sousa Faria Maia CRM 4091 22. Walid Bou Chacra CRM 4106 23. Flavio Cunha Lima Bezerra CRM 1951 24. Patrícia Figueiredo CREMERN 2620 25. Yvelise Castro de Andrade CRM RN 634 26. Cicera de Souza Padilha CRM 2855 27. João Alves da Gama – CRM 2956 28. Márcia Cristina Lima da Costa Medeiros. CRM: 2861 29. Margareth Sarmento da Silveira Furtado CRM: 2824 30. Isabelle Pereira Soares Mariz. CRM 2796 31. Tomás Pereira Júnior CRM: 3533 32. Ângela Katarina C.B. Pereira CRM: 3796 33. Edna Maria Trindade de Araújo 1810 34. Paulo César Monte Duarte CRM 2419 35. Ivalucia Nicacio Rodrigues CRM 7275 36. Gleyse karina lopes de oliveira pinheiro CRM 5234 37. Hilkéa Carla de S. M.Lima CRM: 7160 38. Patrícia M. Marinho de Aquino CRM 4438 39. Roseny Guedes Rocha , CRM 1668 40. Dalzenir Leite de Queiroz Barros CRM 2866 41. Solange do Nascimento Borges CRM 3034 42. Iracema de Azevedo Dantas Alves Martins CRM 2809 43. Fábio Costa Souza CRM 4280 44. Rosa Cristina Correia de Araujo CRM 5174 45. José Humberto da Costa Júnior CRM 5987 46. Albert Dickson de Lima 4360 47. Sara Lima CRM 7589 48. Rafaela Teixeira CRM 4969 49. Marilia De Oliveira Afonso 2951 50. Vanessa Giffoni M. N. P. Peixoto CRM:4427 51. Fabíola Melo Freitas CRM 2797 52. Larissa de Oliveira Afonso 4442 53. Ivanise Cavalcanti de Souza..CRM 1806 54. Sebastião Vieira de Freitas Filho CRM 1449 55. Kelly CCC França Guerra CRM 3947 56. José Linhares da Silva Neto CRM 4046 57. Íris Deomar Silva de Lima CRM 3228 58. Ana Tereza de M. Regalado Regis CRM 5950 59. Gleyce Karina Lopes de Oliveira Pinheiro CRM 5234 60. Solange do Nascimento Borges CRM 3034 61. Roseny Guedes Rocha CRM 668 62. Kellen Micheline Alves Henrique Costa CRM 3841 63. Ana Suzy Melo Cruz CRM 3275 64. Lidiane Maria de Brito Macedo Ferreira CRM 4694 65. Kátia Medeiros Cavalcanti de Lucena CRM 3924 66. Luís Alcides de Lucena Marinho CRM 2404 67. Deborah Vidal Mesquita CRM 4898

Basta! “Eu quero a minha vida de volta”. Cansei!

Hoje (05) completo 110 dias de quarentena, ou, isolamento social. Sou do grupo de risco. No princípio não dava pra sentir muito. Ainda me permitia uma saidinha aqui e acolá. Achava que seria algo passageiro e com pouco tempo a vida voltaria ao normal. Ledo engano. Acho que isso aconteceu, também, com a grande maioria das pessoas. A onda veio pra valer. Super-ativo em todos os sentidos, como eu, começo a sentir no corpo e na alma um sentimento de impotência diante da situação. Os desencontros de informações na mídia nos deixa numa ALTA SITUAÇÃO de dúvida. Como sou jornalista, tenho a obrigação de acompanhar o que se passa pelo mundo. A cada informação que escuto uma é diferente da outra. É doloroso assistir a esse espetáculo MACABRO que faz aumentar a nossa dor. Televisão? Não! Deletei faz tempo. As informações – do meu ponto de vista – sobre VACINAS começam a perder FORÇA. São elas o que mais nos interessam até agora. Está havendo um prologamento. É pra hoje? É pra amanhã. É pra… sei lá mais quando. Mas, o que fazer? É continuar aqui se agarrando numa esperança próxima sob as bençãos de JESUS. Aqui não me interessa essa NOJENTA briga política dos PODERES alimentada por parte da população. EU QUERO A MINHA VIDA DE VOLTA. Basta! Quero almoçar com minha mãe, com meus filhos, com meus netos, com minha esposa, com minha família, reclamar da comida, reclamar do atendimento, comer o que gosto, beber o que gosto, ir pra onde quiser… BASTA! Cansei…. Quero a FESTA DE SANTANA de CAICÓ! Quero louvar JESUS!

Netos de Luiz Gonzaga protestam. Ora! Vão trabalhar, vagabundos!

Netos do cantor e compositor Luiz Gonzaga divulgaram uma “nota de nojo” na qual repudiaram a reprodução da música “Riacho do Navio” do avô em live do presidente Jair Bolsonaro na última 5ª feira (2.jul.2020), no Facebook. A música é uma composição de Luiz Gonzaga (1912-1989) e Zé Dantas (1921-1962). Foi tocada na sanfona e cantada pelo presidente da Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo), Gilson Machado, na transmissão do presidente. Ele alterou alguns versos da letra original para fazer referência ao fato de Bolsonaro ter inaugurado 1 trecho da transposição do rio São Francisco, no Ceará. “O rio São Francisco agora vai para o Ceará, presidente Bolsonaro levou o rio para o Ceará”, cantou.

O cérebro deles é diferente? Isso, sim, é preconceito

Mesmo sendo a maioria da população brasileira, negros (pretos e pardos, na categoria do IBGE) representaram apenas 24% dos deputados federais escolhidos pelo voto popular em 2018. Uma consulta em análise pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pretende mudar esse cenário, com a discussão sobre a reserva de recursos do Fundo Eleitoral – e de tempo de rádio e TV – para viabilizar as campanhas de candidatos negros e negras. A verba pública, que nas eleições municipais deste ano soma R$ 2 bilhões, seria dividida segundo o critério racial, obedecendo a proporção de candidatos negros e brancos de cada partido.

Liva o “Grande Encontro”: Elba, Geraldo e Alceu e outras

Um novo Grande Encontro, com os ícones da música brasileira Alceu Valença, Elba Ramalho e Geraldo Azevedo, é o destaque na programação de lives deste domingo (5).

Fernando & Sorocaba, Harmonia do Samba e Paula Fernandes também prepararam shows para você assistir em casa:

Vou pro Sereno – 14h – YouTube

Harmonia do Samba – 15h – YouTube

O Grande Encontro – Alceu Valença, Elba Ramalho e Geraldo Azevedo – 16h – YouTube

Fernando e Sorocaba – 16h30 – YouTube

Paula Fernandes – 17h – YouTube

Psirico (Samba de Roda do Psi) – 17h30 – YouTube

Detonautas – 18h – YouTube

Sapopemba (Em Casa com Sesc) – 19h – YouTube

Breno e Caio Cesar – 20h – YouTube

Teresa Cristina – 22h – Instagram

G1

Ivermectina causou queda nos atendimentos por Covid em Natal, diz infectologista

Nos últimos dias, hospitais privados de Natal (RN) e até Unidades de Pronto Atendimento (UPA) têm registrado queda nos atendimentos de pacientes com Covid-19. Para o médico infectologista Fernando Suassuna, membro do comitê científico da Prefeitura de Natal, a baixa na procura por atendimento têm relação, entre outros aspectos, com os efeitos da ivermectina na população.

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 33 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2276 da Mega-Sena, sorteadas neste sábado (4) à noite, no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo. Os números sorteados foram 05 – 15 – 18 – 27 – 49 – 57. A quina teve 75 apostas vencedoras e cada uma receberá R$ 36.939,97. Na quadra ganharam 5.403 apostas e cada uma vai receber R$ 732,52.

Continue lendo

Candidato negro pode ter mais verba na eleição deste ano

Mesmo sendo a maioria da população brasileira, negros (pretos e pardos, na categoria do IBGE) representaram apenas 24% dos deputados federais escolhidos pelo voto popular em 2018. Uma consulta em análise pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pretende mudar esse cenário, com a discussão sobre a reserva de recursos do Fundo Eleitoral – e de tempo de rádio e TV – para viabilizar as campanhas de candidatos negros e negras. A verba pública, que nas eleições municipais deste ano soma R$ 2 bilhões, seria dividida segundo o critério racial, obedecendo a proporção de candidatos negros e brancos de cada partido. O objetivo é usar o dinheiro do fundo para corrigir distorções históricas e evitar que os partidos favoreçam políticos brancos. Segundo um estudo da FGV Direito São Paulo, homens brancos representaram 43,1% de todos os candidatos a deputado federal nas eleições de 2018, mas concentraram cerca de 58,5% das receitas de campanha.

Continue lendo

Polícia Militar fiscaliza praias de Natal

Policiais militares realizam ações de conscientização nas praias de Natal. De acordo com a corporação, a fiscalização acontece durante todo este sábado (4) e deve continuar neste domingo (5). A fiscalização acontece para que a população seja orientada a seguir as recomendações do governo estadual, como o distanciamento entre as pessoas e o uso de máscara.

Consumidor poderá tirar dúvidas sobre valor cobrado na conta de luz

Consumidores que tiverem dúvidas quanto ao valor cobrado na conta de luz após o fim do período de autoleitura de seus medidores podem procurar o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) para buscar explicações sobre a medida adotada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O Idec está esclarecendo aos consumidores como vem sendo feita a cobrança para quem não fez a autoleitura e consumiu acima da média nos últimos meses. Assim é possível constatar o erro exato do valor para então fazer a reclamação. A autoleitura foi uma das medidas adotadas pelas distribuidoras de energia elétrica para apurar o consumo de energia dos clientes nos meses de abril, maio e junho, para que os funcionários deixassem de ir aos endereços fazer a leitura como forma de prevenção e proteção contra o novo coronavírus. Dessa forma o próprio consumidor anotava os dados registrados no relógio e enviava para à distribuidora. A medida foi autorizada pela Aneel, no dia 24 de março.

Continue lendo

China diz que o vírus da gripe suína não é novo e não infecta humanos facilmente

O Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais da China afirmou neste sábado (4) que a chamada cepa G4 do vírus da gripe suína não é nova e não infecta ou adoece humanos e animais facilmente, rejeitando um estudo publicado no início desta semana. A pesquisa, realizada por uma equipe de cientistas chineses e publicada pela revista norte-americana Procedimentos da Academia Nacional de Ciências (PNAS, em inglês), alertou que um novo vírus da gripe suína, chamado G4, se tornou mais infeccioso para humanos e poderia se tornar um vírus com “potencial de pandemia”. Em comunicado, o Ministério da Agricultura da China afirmou que o estudo foi interpretado “de maneira exagerada e não factual”.

Investidores buscam oportunidades no Brasil com pandemia e juro baixo

A crise derivada da pandemia do coronavírus derrubou os níveis de investimento e o número de fusões e aquisições no país, que vinham em ritmo acelerado. No entanto, abriu espaço para investidores qualificados, com caixa e visão de longo prazo. Esse grupo reúne fundos institucionais e os chamados family offices, empresas fechadas que fazem a gestão de patrimônio de famílias ricas, além de grandes grupos que querem ampliar presença nos setores em que já atuam. Eles têm ido às compras em setores que consideram estratégicos, seja porque mantêm demanda mesmo durante a recessão, seja porque têm ativos com preço baixo e boas perspectivas de retomada pós-pandemia. Na lista de segmentos que despertam interesses, estão saúde, educação, agronegócio, tecnologia e infraestrutura, com destaque para saneamento e redes de telecomunicação.

Continue lendo

BB libera R$ 3,7 bilhões de crédito para as micro e pequenas empresas

O Banco do Brasil (BB) vai emprestar até R$ 3,7 bilhões para os pequenos negócios brasileiros através do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte. Pronampe foi criado pelo governo para tentar destravar o acesso ao crédito das micro e pequenas empresas, que têm relatado dificuldades para se financiar no segmento bancário durante a pandemia do novo coronavírus. O programa já vinha sendo operado pela Caixa Econômica Federal (CEF), que disponibilizou inicialmente R$ 3 bilhões para as micro e pequenas empresas, e agora também está disponível no Banco do Brasil.

Pesquisadores da Unifesp apresentam tratamento que pode ser a cura do HIV

A cura da síndrome da imunodeficiência adquirida (Aids) pode estar mais perto do que imaginamos! A Universidade Federal de São Paulo (Unufesp) realizou o primeiro estudo, em escala global, para testar um supertratamento em indivíduos cronicamente infectados pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV). A pesquisa está sendo coordenada pelo infectologista Ricardo Sobhie Diaz, que é uma das referências mundiais no assunto. De acordo com nota publicada pela Unifesp, Diaz é diretor do Laboratório de Retrovirologia do Departamento de Medicina da Escola Paulista de Medicina (EPM/ Unifesp) – Campus São Paulo. A pesquisa contou com a participação de 30 voluntários que possuem carga viral indetectável, sob tratamento padrão, conforme o que é atualmente preconizado: a combinação de três tipos de antirretrovirais, mais conhecida como “coquetel”. Os voluntários foram divididos em seis subgrupos, recebendo, cada um deles, diferentes combinações de remédios, além do próprio “coquetel”.

Pandemia reduz extrema pobreza no Rio Grande do Norte

O número de domicílios em situação de extrema pobreza no Rio Grande do Norte seria sete vezes maior sem o auxílio emergencial durante a pandemia do novo coronavírus. A conclusão é de uma pesquisa feita pelos docentes do Departamento de Demografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Ricardo Ojima e Jornada Cristina de Jesus. Em maio, cerca de 20 mil, 1,85% dos domicílios, possuíam uma renda por pessoa inferior a R$ 145 por mês. Sem o auxílio, esse percentual seria de aproximadamente 13,08%, ou 141,6 mil domicílios. A faixa de renda da pobreza extrema em R$ 145 per capita foi o estabelecido em 2019 pelo Banco Mundial e utilizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) como pobreza extrema. Em 2019, 10,3% dos domicílios do Rio Grande do Norte viviam com menos do que R$ 145 per capita. O IBGE vai divulgar os números consolidados deste ano apenas no final do ano. Entretanto, classificação de pobreza não é utilizada por Ojima por ele avaliar que os cortes de renda não conseguem “incorporar as múltiplas dimensões da pobreza, que vão além da pobreza monetária.” Na família de Isaías Rodrigues e Irene Ribeiro, o impacto do auxílio-emergencial foi imediato na renda. O casal recebia R$ 450 de Bolsa Família para manter quatro filhos e foi beneficiado com o auxílio emergencial. Os dois conseguiram, e a segurança do benefício fez com que saíssem menos de casa durante a pandemia. Ambos trabalham como catadores de materiais recicláveis e conseguem de R$ 200 a R$ 300 para complementar a renda mensal.

Continue lendo

Menos de 20% do crédito para socorrer empresas pelo Governo Federal foi desembolsado

Em meio à reclamação de empresários sobre a falta de crédito durante a pandemia do novo coronavírus, apenas 17% dos recursos anunciados em programas de financiamento lançados ou regulamentados pelo governo foram desembolsados até agora. Os números fazem parte de levantamento feito pelo Ministério da Economia a pedido da Folha. Os dados mostram a baixa execução das iniciativas do crédito quase quatro meses após começarem as medidas de isolamento. Dos quase R$ 70 bilhões anunciados para quatro grandes linhas, apenas R$ 12,1 bilhões foram executados.
A área do crédito é a mais problemática do pacote econômico contra a crise da Covid-19, na avaliação do próprio titular da pasta, Paulo Guedes. O ministro diz que a situação é dramática porque a demanda quadruplicou e reconhece que ele e sua equipe têm encontrado dificuldades com o tema. “Tenho a maior franqueza em reconhecer que, na parte de crédito, [o desempenho] não foi satisfatório até o momento. Nós continuamos aperfeiçoando o nosso programa para o dinheiro chegar à ponta, que era a maior reclamação”, disse em comissão no Congresso na terça-feira (30). Diferentes fatores são apontados como causas para o cenário. Entre eles, grandes bancos evitando o risco de concederem dinheiro a empresas menores, enquanto pequenos empresários demonstrariam não ter garantias suficientes para as operações. Ao mesmo tempo, as grandes companhias acionaram suas linhas de crédito pré-aprovadas, drenando boa parte dos recursos disponíveis no começo da crise. A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) notou, no fim de março, uma movimentação preventiva por parte de grandes e médias empresas, que recorreram a todas ou a parte das linhas de crédito que tinham a sua disposição, como estratégia para reforçar o caixa diante da pandemia. Na visão da equipe econômica, não faltaram recursos porque o BC (Banco Central) liberou liquidez no sistema financeiro e o problema maior foi a falta de apetite das instituições por risco.