Dia: 16/05/2020

Brasil tem 15.633 mortes e 233.142 casos confirmados de novo coronavírus, diz ministério

O Ministério da Saúde divulgou neste sábado (16) o mais recente balanço dos casos de novo coronavírus no Brasil.

Os principais dados são:
15.633 mortes, eram 14.817 mortes na sexta-feira (15). Foram mais 816 novos registros de mortes acrescentados em 24 horas.

Brasil é o sexto país com mais mortes registradas pela covid-19. 233.142 casos confirmados, eram 218.223 na sexta-feira (15)

Foram 14.919 casos incluídos no balanço em 24 horas. Em São Paulo são 61.183 casos e 4.688 mortes. O Estado superou a China em número de mortes (veja dados dos outros Estados abaixo).

Já passa de 17 casos confirmados por coronavírus em Caicó

O número de casos confirmados por coronavírus foram mais uma vez atualizados neste sábado (16). Agora já são 17 casos em Caicó, 358 notificados, 131 suspeitos e 104 descartados.;

Dos 6 novos casos confirmados no dia de hoje, em Caicó, quatro estão com sintomas leves e em isolamento domiciliar, enquanto 2 estão internados no Hospital Regional do Seridó.
Os casos mencionados são residentes das Zonas Oeste, Centro e Zona Norte da cidade.

As demais informações sobre os novos casos serão atualizadas semanalmente por meio de Boletim Epidemiológico detalhado, a ser publicado às terças.

Secretaria de Saúde confirma os dois novos casos de coronavírus em Caicó

A Secretaria Municipal de Caicó, por meio de nota informativa, comunica a confirmação de DOIS novos casos positivos para a COVID-19 na tarde de hoje, 16/05/2020, totalizando TREZE casos confirmados no município.

O décimo segundo caso confirmado trata-se de um homem, de 36 anos, com sintomas leves, em isolamento domiciliar, com comorbidade, residente da Zona Norte, diagnosticado por RT-PCR (Swab) em Laboratório Privado.

O décimo terceiro caso confirmado trata-se de uma mulher, de 21 anos, com sintomas leves, em isolamento domiciliar, sem comorbidade, residente da Zona Norte, diagnosticada por exame Teste Rápido no Hospital Regional do Seridó.

Santa Cruz já tem 21 casos confirmados por coronavírus

O município de Santa Cruz já tem 21 casos confirmados por coronavírus. De acordo com o boletim emitido neste sábado (16), pela Prefeitura, existem ainda 72 casos suspeitos, 89 descartados e 11 pessoas recuperadas com o vírus.

Nível de isolamento social no RN é de 42,89%

De acordo com os dados monitorados pelo Laboratório de Inovação e Tecnologia em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LAIS/UFRN), neste sábado (16), o índice de isolamento social no RN é de 42,89%.

Em Natal, este número representa 44,54%, ligeiramente maior que em Mossoró cujo índice é de 44,29%. Na cidade de Parnamirim, a taxa de isolamento é de 41,96%. Itajá registrou a menor taxa de isolamento, 26,92%. O município com o maior percentual foi Rafael Godeiro, com 55,17%.

Para a Secretaria de Estado da Saúde Pública-Sesap estes números estão estão diretamente ligados ao aumento exponencial dos casos de coronavírus no RN. O gráfico mostra que o índice mínimo deveria ser de 50%. A expectativa era de que fosse de pelo menos 60%, enquanto o ideal é 70%.

Caicó registra 13º caso da Covid-19

Caicó já registra o  seu 13º caso confirmado do novo coronavírus. É uma jovem entre 20 e 30 anos, sem comorbidades e que mora na Zona Norte do município.

Mais de 1,6 milhão de pessoas estão curadas da covid-19 no mundo

O contingente de recuperados da covid-19 ultrapassou 1,6 milhão de pessoas em todo o mundo. A informação está disponível no painel de monitoramento da pandemia que foi desenvolvido pelo Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos.

Brasil aparece em 7ª posição, com 84.970 pessoas recuperadas da infecção provocada pelo novo coronavírus. A estimativa está no último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na sexta-feira (15), que indica também 218.223 casos confirmados e 14.817 mortes desde o primeiro registro oficial, em fevereiro.

RN tem 3.004 casos confirmados e 136 óbitos por coronavírus; 14 mortes e 218 infectados registrados na últimas 24h

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte, na tarde deste sábado (16).

O número de casos confirmados chega a 3.004, enquanto eram 2.786 no boletim dessa sexta-feira. 218 casos a mais.

O total de vítimas do covid-19 no RN chega a 136 – são 14 óbitos a mais que a atualização do boletim de sexta-feira.

Os casos suspeitos chegam a 9.852. Descartados somam 7.408, e pacientes recuperados, de acordo com o boletim são ao todo 872.

Corpo de Bombeiros do RN atua em barreira sanitária em Mossoró, na divisa com o Ceará

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN) auxiliou, juntamente com outros órgãos públicos, na realização de barreiras sanitárias instaladas na BR-304, em Mossoró, na divisa com o Ceará, neste sábado (16).

Os militares envolvidos nas barreiras sanitárias distribuíram máscaras de proteção e aplicaram um questionário para os condutores e passageiros que entraram no território norte-rio-grandense. Além disso, os bombeiros ressaltaram a importância da circulação com as janelas abertas e ter o álcool em gel sempre disponível durante as viagens.

Eduardo Pazuello assume Ministério da Saúde interinamente

O Ministério da Saúde confirmou na manhã deste sábado (16) que o secretário-executivo da pasta, Eduardo Pazuello, assumirá interinamente o comando do ministério, substituindo Nelson Teich, que deixou o governo nesta sexta-feira (15).

General do Exército, Pazuello foi nomeado para o segundo cargo mais alto da hierarquia ministerial no último dia 22, após Teich assumir o ministério no lugar de Luiz Henrique Mandetta.

União avisa que vai barrar socorro a estados e municípios que não retirarem ações contra o governo

O governo federal enviou um ofício notificando estados e municípios de que devem retirar ações judiciais relacionadas à pandemia da Covid-19 contra a União para obterem ajuda.

A condição está prevista no projeto de lei aprovado pelo Congresso Nacional e enviado ao Planalto.

O projeto de socorro, que prevê o repasse de R$ 60 bilhões aos estados e municípios, ainda aguarda a sanção de Jair Bolsonaro.

“O objetivo deste ofício circular é destacar que será excluído do auxílio financeiro o Estado, Distrito Federal ou Município que tenha ajuizado ação judicial contra a União após 20 de março de 2020, tendo como causa de pedir, direta ou indiretamente, a pandemia do Covid-19”, apontou o documento. “Para evitar essa exclusão, é necessário que o ente federativo renuncie ao direito sobre qual se funda a ação judicial em até 10 (dez) dias, contados da data da publicação da lei complementar, que se encontra em fase de sanção presidencial”.

O Antagonista

Silverstone: Fórmula 1 de portões fechados

O diretor-geral do autódromo de Silverstone (Inglaterra), Stuart Prongle, anunciou nesta sexta (15) que chegou a um acordo com os organizadores da Fórmula 1 para realizarem duas provas com portões fechados durante o verão da Europa.

Segundo o dirigente, as provas ainda terão que ser aprovadas pelo Governo. “Nossa prioridade é a segurança de todos os envolvidos e a conformidade explícita com as regulações referentes à Covid-19”.

Os administradores do autódromo britânico não são os primeiros a anunciarem a intenção de realizar uma prova de Fórmula 1 na Europa. No dia 7 demaio, os organizadores do GP de Monza (Itália) anunciaram nque a prova será realizada na data inicialmente programada (6 de setembro) e com a presença de público.

Inmet prevê de chuvas de até 100 mm no RN

O Instituto Nacional de Meteorologia divulgou três avisos de chuvas intensas para todo o território do Rio Grande do Norte. Um dos alertas prevê chuvas mais intensas, de até 100 milímetros por dia, para 84 municípios do Estado, além de risco de alagamentos, deslizamentos de encostas e transbordamentos de rios em cidades com tais áreas de risco. O alerta é válido até às 10h01 da manhã deste domingo (17).

Barragem de Oiticica será vistoria da quarta feira (20) para decidir sobre retomada de obra

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) recebeu na tarde desta sexta-feira (15) um ofício do consórcio executor das obras do Complexo de Oiticica, no Seridó, o EIT/ENCALSO, com respostas às solicitações de adequação sanitária contidas no despacho da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap). O Documento pede ainda nova vistoria com vistas a remobilização e retomada das obras do reservatório e da Nova Barra de Santana, em Jucurutu (RN).

A Semarh já encaminhou o ofício à Vigilância Sanitária do município de Jucurutu, à Regional de Saúde em Caicó e a própria Sesap para que os órgãos analisem a proposta de retomada e participem da nova vistoria com prazo para acontecer até o dia 20, próxima quarta-feira.

Após fazer um apelo à Governadora Fátima Bezerra pelo adiamento da retomada da obra, o Movimento dos Atingidos pela construção do reservatório emitiu uma nova nota, na tarde de ontem (15), reiterando a decisão do Governo do RN de só autorizar o retorno dos trabalhos no local após determinação das autoridades sanitárias do estado e a garantia de que o consorcio EIT/ENCALSO tem condições de campo pra cumprir todos os protocolos de prevenção de contagio ao COVID-19.

“Sabemos da grande importância do reservatório para a segurança hídrica da região e somos os maiores interessados em finalizar a obra, mas, enquanto poder público, temos a obrigação de garantir a segurança dos trabalhadores na volta ao serviço” frisa João Maria Cavalcanti.

Vacina não será cara, diz professor da Universidade de Oxford que desenvolve projeto de prevenção à Covid-19

A aguardada vacina para a Covid-19 terá um preço que permita seu acesso ser o mais amplo possível. E, sendo bem-sucedida, será produzida em larga escala para manter os custos baixos e o abastecimento. É o que afirma Adrian Hill, diretor do Jenner Institute, da Universidade de Oxford, que trabalha ao lado da farmacêutica AstraZeneca.

– Não será uma vacina cara. Será uma vacina de dose única. E será fabricada para atender um suprimento global e em muitos locais diferentes ao mesmo tempo. Este sempre foi nosso plano – contou Hill à Reuters.

Conhecida como ChAdOx1 nCoV-19, a droga experimental é uma das pioneiras na corrida global pela vacina contra o novo Coronavírus. Segundo a Reuters, dados preliminares de um estudo em seis macacos mostraram que alguns daqueles que receberam uma única injeção dela desenvolveram anticorpos contra o vírus em 14 dias. E que, em 28 dias, todos desenvolveram proteção.

Quando os macacos foram expostos ao novo coronavírus, a vacina impediu danos aos pulmões e evitou que o vírus se reproduzisse. No entanto, ele ainda se replicava ativamente no nariz.

Hill classificou os dados de “encorajadores” e reforçou o alto grau de confiança de sua equipe de que os testes em andamento em humanos, iniciados em abril, também mostrarão resultados positivos. Ele acredita que em julho ou agosto já será possível saber se a droga funciona e qual o seu nível de eficiência.

De acordo com o professor, mais de 1.000 pessoas fazem parte dos testes. Metade recebeu a vacina experimental. Já a outra metade serve como grupo de controle. Questionado sobre o progresso deste trabalho em humanos, Hill disse que ele e sua equipe “não farão comentários com o projeto em andamento”. Mas deu a entender que, até agora, está dentro do esperado:

– Você pode concluir que, se o teste ainda estiver em andamento, como certamente está, isso significa que não houve grandes transtornos.

É consenso entre especialistas em saúde e em doenças que o fim da pandemia passa pela descoberta de uma vacina contra o novo coronavírus. O desafio, no entanto, é encontrar uma que funcione e fabricá-la em doses suficientes.

1 milhão de doses em setembro

(mais…)

O que está por trás dos temores de Fátima em adotar o lockdown?

Se tem uma categoria realmente preocupada com o isolamento social é a dos profissionais da saúde. E não estamos falando de mandar avisos de “fique em casa” ou “lave as mãos”, recomendações básicas neste momento. O Sindisaúde, o sindicato que representa estes trabalhadores, parte para ações na Justiça tanto em Natal, quanto em Mossoró. A situação está crítica e são eles que estão na linha de frente.

Há razão para tais ações na Justiça: a iminência de colapso no sistema de saúde. O número de infectados e doentes cresce em escala desproporcional ao de leitos. A conta não fecha, as filas já se formam e novos pacientes não param de abarrotar os hospitais do Estado.

Qual a solução que os profissionais de saúde sugerem? Que seja urgentemente decretado o lockdown, o isolamento mais severo, que permite a circulação de pessoas somente em casos realmente de extrema necessidade. Eles acreditam que se todos estiverem compulsoriamente em casa, a curva tenderá a se achatar e haverá maior fôlego na estrutura de saúde pública, garantindo atendimento e o socorro à vida dos pacientes.

Acontece que decretar o lockdown não é apenas assinar um papel e dizer: “Pronto,  todo mundo fica em casa, fecha tudo e vamos aguardar”. Há pressões de todos os lados. Os profissionais de saúde é um deles. Os empresários, outro. A população, também. Como buscar o consenso? Cabem à governadora Fátima Bezerra e à prefeita Rosalba Ciarlini tentarem a equivalência, o que parece luta hercúlea.

Se a situação não é fácil, inclua ainda a Procuradoria Geral do Município de Natal, que pediu a extinção da ação do Sindisaúde por considerá-lo ilegítimo a reivindicar o tema. Adicione a contenda entre o coordenador do Laboratório de Inovação Tecnológica da UFRN Ricardo Valentim, e o coordenador do comitê científico do Consórcio Nordeste, Miguel Nicolelis.

Nicolelis recomenda que o estágio de lockdown seja aplicado em todos os Estados da região, o que Valentim discorda, alegando que não se pode tomar “decisões generalistas para todo o Nordeste”. A questão resultou no desligamento de Valentim do comitê científico. Ele afirmou que pediu desligamento sob o argumento de que o consórcio não ouve os Estados. Nicolelis, por sua vez, garante que ele foi “formalmente desligado do referido comitê após ofício encaminhado a Exma. governadora do Estado, Sra. Maria de Fátima Bezerra”. Não se sabe quem tem a razão. A única certeza é que o lockdown pesou na discórdia.

No entanto, Valentim já vinha reforçando o discurso do próprio do Governo nas políticas de enfrentamento e sua saída do consórcio não significará grandes mudanças neste sentido. Antes de sair ou ser desligado, o coordenador da Lais concedeu entrevista à Tribuna do Norte, e, em nome do governo, afirmou que o lockdown trata-se de “medida radical”.

Além disso, outros representantes do Governo acreditam que as pessoas vão, por elas mesmas, colocar a mão na consciência e perceber que precisam ficar em casa (cá enre nós, é muito otimismo e inocência acreditar nisso).

DUPLA PRESSÃO

(mais…)

Socorro a estados em troca da reabertura gradual da economia

O governo federal quer usar o projeto de socorro a estados e municípios como moeda de troca para negociar com os governadores a reabertura gradual da economia a partir do mês que vem, diz O Globo.

A abertura, segundo o jornal carioca, começaria nos municípios menos atingidos pela pandemia da Covid-19, que deverão seguir normas sanitárias definidas.

A negociação deve começar nos próximos dias. Na última quinta-feira, Jair Bolsonaro anunciou que fará uma reunião por videoconferência com os governadores.

É #FAKE que enxaguante bucal combate o coronavírus

Em tempos de pandemia as fake news circulam em massa pelas redes sociais. Uma dela diz respeito ao uso de enxaguante bucal que supostamente poderia prevenir o COVID-19, já que na sua composição contém álcool.

A informação de que os enxaguantes podem matar o vírus na boca ou na garganta não tem embasamento científico em absoluto, afirma o infectologista Leonardo Weissmann, consultor da Sociedade Brasileira de Infectologia:

“Às vezes o que as pessoas pensam é que gargarejo pode prevenir infecção e a transmissão por conta da presença do álcool. Só que em quem já está doente, o vírus fica dentro da célula, se multiplica, invade outras células”, explica.

MP denuncia Ricardo Coutinho por propina de R$ 900 mil em caixas de vinho

Ricardo Coutinho, ex-governador da Paraíba, foi denunciado pela terceira vez na Operação Calvário, que desvendou um esquema bilionário de desvios da Saúde e da Educação no estado.

Desta vez, a Procuradoria-Geral de Justiça e o Gaeco acusam o ex-governador do PSB de receber R$ 900 mil em propinas pagas pela Cruz Vermelha Brasileira.

Segundo a acusação, Coutinho foi o ‘mentor intelectual’ do episódio que envolveu a entrega de propina em caixas de vinho. O caso ocorreu em 2018, no restaurante de um hotel no Rio de Janeiro. O dinheiro era repassado a prestadores de serviços da campanha de João Azevedo, atual governador do estado.

(mais…)

Vila Flor (RN): que danado é isso, prefeita?

A prefeita Ivânia da Silva Martins da pequenina cidade de Vila Flor (RN), através de DISPENSA DE LICITAÇÃO, autorizou a contratação da empresa ARTHUR ANDRADE LIMA – EPP, que fica localizada em Guarabira (PB), pelo valor de R$ 102.600,00, na locação de estruturas temporárias para o isolamento de ruas, com a finalidade combater o COVID-19.

Vila Flor é basicamente formada por uma única rua, que com dois rolos de arame farpado isola a mesma do resto do mundo.

Não existe nem caso de suspeito pelo Coronavírus no Município.

Espanha com nova quebra nos óbitos diários. Houve 102 mortos em 24 horas

O Ministério da Saúde espanhol acaba de dar conta de que nas últimas 24 horas, morreram mais 102 pessoas devido à Covid-19 no país. Este valor representa uma quebra em relação aos dados desta sexta-feira, em que foram registadas 138 vítimas mortais e o número diário mais baixo em dois meses.

O número total de mortes no país, desde o início da pandemia, é agora de 27.563.

O país conta com um total de 230.698 casos de infeção (mais 539 do que ontem) e mais de 146 mil pessoas já recuperaram da doença.

Projeção macabra

De  maneira MACABRA, o governo de Fátima Bezerra, através do seu Secretário de Saúde, Cipriano Maia, brincou com a vida das pessoas ao projetar mais de 11 mil óbitos por Covid-19 até ontem (15). Pessoas se desesperaram, ficaram doentes, entraram em depressão…

… e as consequências disso tudo até hoje? Ficou por isso mesmo?

O amor é livre

Apesar de não serem citados diretamente como atividades essenciais, motéis de Fortaleza (CE) estão funcionamento normalmente durante o lockdown estabelecido por meio de decretos estaduais e municipais. Os motéis se enquadrariam na lista que é similar a dos hotéis. Pelo menos oito estabelecimentos localizados em Fortaleza oferecem desconto e suítes com piscina, hidromassagem e jardim. Em caso dos quartos mais sofisticados, as reservas, na maioria dos casos, podem ser feitas no mesmo dia.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias