Penso, logo existo...

Dia: 16 de junho de 2019

Casos de hipertensão arterial crescem no Brasil

O maior desafio da saúde pública é a prevenção das doenças que mais afetam a população. Segundo o oftalmologista Leôncio Queiroz Neto do Instituto Penido Burnier os olhos são a porta de entrada do diagnóstico de diversas alterações sistêmicas. Este é o caso da hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta, a mais frequente doença crônica no Brasil, responsável pela morte de 16 pessoas/hora no país. É o que mostra pesquisa inédita do Ministério da Saúde realizada entre fevereiro e dezembro de 2018 com 52.395 mil participantes acima de 18 anos. O levantamento revela que a hipertensão arterial não se restringe aos idosos. Um em cada 4 brasileiros com mais de 18 anos recebeu diagnóstico no ano passado, contra 22,6% em 2016. Na população com 65 anos ou mais 60,9% são hipertensos e 49,5% dos que têm de 49 a 64 anos

Governadora prestigia Feira de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação em Caicó

A vocação empreendedora do Seridó foi fundamental na escolha da região para sediar a 1ª edição da Feira Regional de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação (FENECITI), uma iniciativa do Governo do RN, via Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedec), em parceria com a Federação da Câmara de Dirigentes Lojistas (FCDL) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Caicó. O Executivo Estadual participou do evento com a prestação de serviços e informações ao público por meio de dez secretarias e 30 órgãos, que foram encerrados neste sábado (15) com a participação da governadora Fátima Bezerra.

Continue lendo

MPF entra com ação para barrar comentários discriminatórios contra as mulheres no Facebook

O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro entrou com ação civil pública contra o Facebook em razão da manutenção de comentários discriminatórios contra as mulheres na rede social. A ação, proposta pela Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, pede, além da retirada dos comentários ofensivos, a adoção de providências voltadas a cumprir as Convenções da ONU. Os conteúdos discriminatórios identificados pelo Ministério Público foram postados em resposta à enquete lançada por um usuário da rede social, indagando a idade em que as mulheres teriam “perdido a virgindade”. A empresa foi oficiada formalmente a se manifestar sobre a manutenção das publicações, e respondeu que os comentários não violam os Termos de Serviço e Padrões de Comunidade do Facebook. Por isso, não foram adotadas providências administrativas em relação às postagens.

Fátima Bezerra ameaça judicializar protesto de militares

A governadora do Rio Grande do Norte Fátima Bezerra ameaça judicializar o protesto dos policiais militares. Pedirá na justiça a ilegalidade da greve. Com a atitude… Ela repete o gesto do ex-governador Robinson Faria, que recorreu à justiça para acabar com a “greve” dos policiais no ano de 2017.

Homem faz arrastão em terminal e leva quase R$ 1 mil de cinco ônibus em Natal

Um homem armado fez um arrastão no terminal de ônibus do loteamento Jardim Progresso, na Zona Norte de Natal, e levou quase R$ 1 mil do apurado do dia e do fundo de caixa de cinco ônibus que estavam estacionados. O crime aconteceu na noite deste sábado (15). De acordo com a polícia, o criminoso chegou sozinho. Ele abordou três motoristas e um ASG que estavam no terminal e anunciou o assalto. O homem recolheu pertences das vítimas e depois foi pegar o dinheiro. Em seguida, o bandido ordenou que os quatro fossem para a parte de trás do terreno e fugiu a pé. O caso foi registrado na Delegacia de Plantão da Zona Norte.

CCJ pode votar adoção de voto aberto nas eleições das Mesas no Congresso

Alvo de controvérsia na última eleição para a Mesa Diretora do Senado Federal, o voto aberto nas eleições das Mesas no Congresso Nacional, Câmara dos Deputados e Senado,  pode passar a ser expresso na Constituição. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 1/2019, que traz essa regra, está na pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). A reunião está marcada para  terça-feira (18), às 10 horas. Atualmente a Constituição prevê alguns casos em que a votação deve ser aberta, mas não trata das eleições para as Mesas. O alcance da PEC 1/2019, de autoria da senadora Rose de Freitas (Podemos-ES), não se restringe à escolha dos integrantes das Mesas da Câmara e do Senado. Por extensão e analogia, o voto aberto deverá ser aplicado, também, nas eleições para o comando das Assembleias Legislativas Estaduais; das Câmaras Municipais e da Câmara Legislativa do Distrito Federal.

Casamento milionário de neta de Maluf causa polêmica nas redes

Imagens de um casamento suntuoso, com uma mesa quilométrica coberta de flores brancas e doces, vem chamando a atenção nas redes sociais. O o evento seria a união da neta do ex-deputado federal Paulo Maluf, preso acusado de lavagem de dinheiro por desvios na prefeitura de São Paulo. Ele foi condenado a cumprir sete anos e nove meses. Alessandra Alves Cury, a noiva, é filha de Ligia Maluf e Maurilio Cury, que já foram indiciados pela Polícia Federal em 2004 sob a acusação de cinco crimes: lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, sonegação fiscal, evasão de divisas e peculato (apropriação de bem público por servidor).

Mais de mil médicos podem não ter acesso a especialidade este ano

A Associação de Médicos pela Formação Especializada calcula que este ano sejam perto de 1.200 os médicos a ficar sem acesso a uma vaga no internato da especialidade, com base nos valores das vagas abertas no ano passado e com o número de candidatos este ano. Apesar de ainda não ter sido publicado o mapa de capacidades de formação em especialidades médicas para 2020, a presidente da associação, Constança Carvalho, manifestou à agência Lusa a sua preocupação com “o número crescente de médicos que ficam sem acesso à especialidade”, entendendo que as vagas a abrir este ano não devem estar muito acima do que ocorreu no ano passado. “Infelizmente, e apesar da gravidade da situação, o Ministério da Saúde tem demonstrado um preocupante desinteresse”, afirma a associação.

Fernando Antônio esclarece posição política ao blogue do Xerife

Aproveitando a nota publicada em seu blog, aliás, sempre com grande audiência, esclareço: –  estou colaborando para formamos um grupo que apresente a Caicó uma proposta inovadora em relação à forma de participarmos das eleições e, principalmente, de atuação a partir de um governo honesto, democrático e comprometido com metas e resultados que, planejadamente, melhorem a cidade; –  neste sentido, o primeiro exercício é reunir pessoas, partidos e ideias; –  não é o momento para discutirmos a escolha de nomes, até porque existe a possibilidade da unificação das eleições para 2022 através de um projeto de emenda constitucional que hoje tramita na Câmara dos Deputados. Quando for o momento oportuno – e se tivermos eleições em 2020 – vou avaliar se devo, ou não, apresentar meu nome como pré-candidato. Por outro lado, o que tenho sempre dito: o mais importante é a unidade do grupo e a reunião de nomes – de diferentes partidos e segmentos – que tenham compromissos com ações efetivas – de nova política e melhoria da gestão – para Caicó. Atenciosamente, Fernando Antônio Bezerra

São João em Natal no calendário turístico

As coleguinhas Simone e Simária levaram mais um grande número de pessoas (apesar da chuva) para o Estádio Arena das Dunas ontem, sábado (15), no show que foi de graça oferecido pela gestão do prefeito Álvaro Dias na programação do São João da capital. O prefeito Álvaro Dias comemora os números obtidos pelos festejos. Já ocupa o calendário turístico do município, comentou.

Petrobrás faz a maior descoberta desde o pré-sal, em Sergipe e Alagoas

A Petrobrás fez em Sergipe sua maior descoberta desde o pré-sal, em 2006. De seis campos, espera extrair 20 milhões de m³ por dia de gás natural, o equivalente a um terço da produção total brasileira. Divulgada no mês passado, a descoberta deve gerar R$ 7 bilhões de receita anual à estatal e sócias, calcula a consultoria Gas Energy. Na avaliação do governo, a conquista pode ajudar a tirar do papel o esperado “choque de energia barata” prometido pelo ministro da Economia, Paulo Guedes – plano para baratear em até 50% o custo do gás natural e “reindustrializar” o País. A aposta do governo é que, em pouco tempo, deva sair de Sergipe o gás mais barato do Brasil. Primeiro, pelo próprio aumento da produção, que ajuda na redução dos custos. Segundo, pela entrada em operação de rivais da petroleira, como a americana ExxonMobil, que tem projetos de exploração na região. Por fim, pela presença de empresas importadoras de gás, que também vão concorrer pela infraestrutura de escoamento. Dessa maneira, a tendência é de redução na tarifa de transporte e, com isso, também do preço final do produto. “Vamos ter competição. É isso que vai fazer o preço baixar”, afirma o secretário de Petróleo e Gás Natural do Ministério de Minas e Energia (MME), Márcio Felix, que participa da elaboração do plano de Guedes. O governo também tem a expectativa de estimular a economia na região com o gás. De 2014 a 2017, a cadeia de óleo e gás ficou praticamente paralisada como reflexo da forte queda no preço do insumo no mercado internacional e das revelações da Operação Lava Jato da Polícia Federal, que revelou bilhões em desvios de recursos na Petrobrás. “É possível que a gente assista a uma retomada da indústria de petróleo e gás no Nordeste, onde tudo começou”, diz o presidente da Gas Energy, Rivaldo Moreira Neto. O diretor da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Felipe Kury, classifica o potencial da Bacia de Sergipe-Alagoas como “muito promissor”. Além dos seis campos da Petrobrás, a ANP acredita que existem na região outras áreas com indícios de presença de petróleo e gás que, nos próximos anos, podem resultar em novas descobertas relevantes. Pelos dados do MME, para delimitar o reservatório e construir um gasoduto até a costa, a Petrobrás deve gastar US$ 2 bilhões ainda neste ano. A estatal não revela os planos para a região. Por meio de sua assessoria, informou apenas que “as águas profundas de Sergipe vêm mostrando grande potencial para o desenvolvimento”. Disse também que o orçamento do projeto está previsto em seu plano estratégico para os próximos cinco anos. Por enquanto, a estatal está trabalhando apenas na exploração, mas não na produção dos campos. Expectativa

Continue lendo

Uma marca de Álvaro Dias

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Ezequiel Ferreira, comentou que a promoção do São João de Natal fica como uma marca do prefeito Álvaro Dias: “Já é uma grande festa”.

Polícia incinera mais de 80 quilos de drogas apreendidas em Mossoró e região

Policiais Civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Mossoró incineraram, nesta semana, mais de 80 quilos de drogas que foram apreendidas na cidade de Mossoró e região. Na ocasião, também estiveram presentes representantes do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) e da Vigilância Sanitária. A ação, que é a terceira incineração realizada neste ano, resultou na destruição de entorpecentes apreendidos em 264 processos de inquéritos e Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs), instaurados em sete delegacias do Rio Grande do Norte (Denarc, Divipoe, Delegacia de João Dias, Delegacia de Marcelino Vieira, Delegacia de Tenente Ananiais, Delegacia de Alexandria e Delegacia de Antônio Martins). No total, 84 quilos de entorpecentes foram incinerados.

Com “erros”, projeto para fim de pecúnias é retirado da Câmara

Palcio do Buriti
O Governo do Distrito Federal (GDF) retirou às pressas de tramitação o projeto para a extinção de licença-prêmio e pagamento de pecúnias na Câmara Legislativa. Por descuido, a versão protocolada apresentava erros e, segundo fontes do governo, não tinha passado por revisão. Caso fosse aprovado em plenário, o texto poderia afetar direitos adquiridos dos servidores do DF, gerando desgaste para a gestão do governador Ibaneis Rocha (MDB).

Escândalos com gravações já balançaram a República

A divulgação pelo site The Intercept de arquivos com mensagem  trocadas entre integrantes da Operação Lava Jato mostrou aos brasileiros, mais uma vez, o impacto desse tipo de notícia na política do país. Desde a década de 1990, a publicação de conversas gravadas ou filmadas sem o conhecimento de interlocutores provocou sucessivos escândalos na República. O caso atual tem como diferencial a captação de informações enviadas pelo aplicativo Telegram. Os anteriores se originaram de grampos telefônicos – alguns legais, outros não –, gravadores ou câmeras. A intromissão na intimidade das autoridades atingiu parlamentares, ministros de Estado, presidentes da República e integrantes do Supremo Tribunal Federal (STF). Apesar das circunstâncias controversas em que os registros chegaram à imprensa, todos os episódios tiveram desdobramentos para os protagonistas, independentemente da legalidade dos métodos usados na obtenção das informações. Em todos os casos, o conteúdo dos diálogos contribuiu para a sociedade conhecer melhor o que se passa nas entranhas do poder.
Um dos fatos com maior repercussão foi a gravação feita pelo empresário Joesley Batista, do grupo JBS, de conversas com o ex-presidente Michel Temer. “Tem que manter isso aí, viu?”, disse o então chefe do Executivo, referindo-se a pagamentos feitos ao ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (MDB-RJ), preso em decorrência da Lava Jato, para assegurar seu silêncio.

Arte/Metrópoles

Em novembro de 1995, a revista IstoÉ publicou a reportagem Escândalo no Planalto com trechos de conversas captadas em grampos instalados por agentes da Polícia Federal no telefone de Júlio César Gomes dos Santos, diplomata e assessor do então presidente, Fernando Henrique Cardoso. As gravações revelaram os movimentos de integrantes do governo em favor da empresa norte-americana Raytheon na licitação para a instalação do Sistema de Vigilância da Amazônia. Em decorrência da divulgação das conversas, o então ministro da Aeronáutica, Mauro Gandra, pediu demissão e saiu do governo. Também caíram Gomes dos Santos e o então chefe do Gabinete Pessoal de FHC, Francisco Graziano, suspeito de responsabilidade pelo grampo. A interceptação telefônica era ilegal, embora a Polícia Federal tenha informalmente divulgado a versão de que a iniciativa fora autorizada por um juiz como parte de uma investigação sobre narcotráfico.

Arte/Metrópoles

Uma série de reportagens da Folha de S.Paulo revelou em 1997 que alguns deputados venderam seus votos em favor da emenda constitucional que instituiu a reeleição para presidente do Brasil. O material baseou-se em gravações, supervisionadas pelo jornal, feitas por uma pessoa identificada como Senhor X. A Folha publicou as reportagens logo depois da aprovação da emenda. Segundo o jornal, cinco deputados negociaram seus votos, que teriam sido pagos pelos governadores Amazonino Mendes, do Amazonas, e Orleir Cameli, do Acre. O preço de cada parlamentar chegava a R$ 200 mil. Em consequência da publicação, os deputados Ronivon Santiago (AC) e João Maia (AC), ambos do PFL, atual DEM, renunciaram aos mandatos. As conversas foram captadas por um interlocutor desses parlamentares equipado com um gravador japonês da marca Sony, modelo M-909.

Salvar

A revista Época publicou em novembro de 1998 o conteúdo de fitas com conversas do então ministro das Comunicações, Luiz Carlos Mendonça de Barros, e do então presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), André Lara Resende. A reportagem “Chantagem dentro do governo” mostrou bastidores da privatização da Telebras e apontou suspeitas de favorecimento ao consórcio organizado pelo Banco Opportunity, de Daniel Dantas. Duas semanas depois, as gravações foram divulgadas pela revista. Envolvidos no escândalo, Mendonça de Barros, Lara Resende e integrantes do segundo escalão do governo pediram demissão. Eles foram acusados de improbidade administrativa e absolvidos. Dois funcionários da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) foram condenados a 3 anos e 4 meses de prisão pela autoria do grampo ilegal. Recorreram em liberdade e o crime prescreveu.

Arte/MetrópolesSalvar

Assessor do então ministro José Dirceu, da Casa Civil, Waldomiro Diniz perdeu o cargo em 2004 depois da divulgação, pela revista Época, de um vídeo em que ele pede propina ao empresário Carlos Augusto Ramos, o Cachoeira. As imagens foram gravadas por Cachoeira ainda em 2002, quando Diniz trabalhava na Loterj, autarquia responsável pelas loterias no Rio de Janeiro. Na conversa, ele solicita 1% do valor do contrato para ele e R$ 150 mil para campanha eleitoral do PT. Em troca, Diniz se comprometia a ajudar o empresário em uma licitação no governo do Rio de Janeiro. Contribuiu para sua queda do Palácio do Planalto o fato de que ele atuou em favor de Cachoeira também no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Arte/Metrópoles Conversas captadas por grampos ilegais instalados no telefone do então presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, divulgadas pela revista Veja em 2008 provocaram demissão do então diretor da Abin, Paulo Lacerda. As gravações foram feitas irregularmente por espiões que atuavam na Operação Satiagraha, comandada pelo então delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz. Durante a investigação, foram presas pessoas acusadas de envolvimento em desvio e lavagem de dinheiro público, entre elas o banqueiro Daniel Dantas. Um dos temas abordado nos telefonemas foi um pedido de impeachment contra Gilmar Mendes feito pouco tempo antes por um grupo de juristas. Em uma das conversas, o então presidente do STF agradece ao então senador Demóstenes Torres (PFL-GO) por tê-lo defendido. As gravações ilegais motivaram a anulação da Operação Satiagraha e o afastamento de Protógenes da Polícia Federal.

Arte/Metrópoles

A divulgação em 2011 de vídeos com imagens do ex-ministro José Dirceu, da Casa Civil, em um hotel de Brasília produziu muito barulho na política, embora sem grandes consequências. Enquanto respondia a processo por envolvimento com o Mensalão, Dirceu recebeu políticos e fez reuniões durante a crise que levou à queda de Antonio Palocci do governo Dilma Rousseff. Palocci ocupava a mesma Casa Civil comandada por Dirceu no governo Lula. Caiu após a descoberta de que recebera pagamentos milionários de empresários por consultorias que teria feito durante a campanha eleitoral. Segundo a revista Veja, que tornou os vídeos públicos, Dirceu conspirava contra o governo Dilma para ocupar o espaço deixado por Palocci. Essas suspeitas, no entanto, não foram comprovadas posteriormente. Entre os visitantes estavam os então senadores Lindibergh Farias (PT-RJ), Walter Pinheiro (PT-BA), Delcídio Amaral (PT-MS) e o então ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel.

Arte/Metrópoles

Vítima do vazamento de mensagens trocadas pelo aplicativo Telegram, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, protagonizou uma quebra de sigilo ilegal em 2016, quando era o juiz responsável pelos processos da Operação Lava Jato. Na ocasião, ele divulgou diálogos do ex-presidente Lula com alguns interlocutores, entre eles a então presidente, Dilma Rousseff. As conversas foram gravadas por meio de grampos telefônicos feitos pela Lava Jato, mas a captação se deu fora do prazo determinado pela ordem judicial. O ministro Teori Zavascki, do STF, considerou a divulgação dos diálogos ilegal e inconstitucional e requisitou o processo. Zavascki considerou que, por envolver a então presidente da República, o sigilo da gravação só poderia ser levantado pelo STF. No trecho mais complicado, Dilma informa Lula que enviaria para ele o termo de sua posse como ministro-chefe da Casa Civil. No contexto, assumir o cargo daria a Lula foro especial, o que impediria sua prisão por ordem de Moro. Por causa da publicação dos diálogos, o ministro Gilmar Mendes, do STF, suspendeu a posse do ex-presidente. No mesmo ano, Dilma sofreu impeachment e foi afastada do Planalto.

Arte/Metrópoles

O gravador de Joesley Batista (2017) O empresário Joesley Batista, do grupo JBS, tornou públicas, em 2017, conversas que teve com o então presidente, Michel Temer, dentro de um acordo de delação premiada que negociava com o Ministério Público. Gravados sem o conhecimento do chefe do Executivo, os diálogos tratavam de medidas para conter a Operação Lava Jato e da compra do silêncio do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (MDB-RJ), deposto e preso durante as investigações. Esse foi o maior escândalo do governo Temer e contribuiu para a desorganização da base de apoio no Parlamento. Com isso, a reforma da Previdência foi inviabilizada. A frase que teve mais repercussão foi dita por Temer depois que Joesley afirmou que estava pagando pelo silêncio de Cunha. “Tem que manter isso aí, viu?”, orientou o então presidente.

Contracheque gordo no GDF

Médicos, policiais militares, bombeiros, auditores e professores do Governo do Distrito Federal estão entre os 149 servidores que tiveram remuneração superior a R$ 100 mil no mês de abril de 2019. Os contracheques superam essas cifra porque incluem, além dos salários, o pagamento das licenças-prêmio convertidas em pecúnia devidas pelo Executivo local. O benefício entrou na mira do Palácio do Buriti, que enviou projeto à Câmara Legislativa para extingui-lo.

Policiais Militares e Bombeiros realizam paralisação nesta segunda

Os policiais militares e bombeiros iniciam nesta segunda-feira, 17, paralisação das atividades. As categorias profissionais exigem recomposição das perdas salariais dos últimos cinco anos. Representantes das associações de praças e oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte apontam que o déficit é de 60,48%.

projeto de orientação sobre a adoção chega às maternidades particulares

O projeto “Atitude Legal”, da Coordenadoria Estadual da Infância e Juventude (CEIJ) do Tribunal de Justiça, é uma iniciativa que visa garantir a proteção a crianças recém-nascidas no Rio Grande do Norte e dar segurança às mães que querem entregar seus filhos para adoção, por meio da orientação aos profissionais de saúde que lidam direto com as grávidas. Nesta segunda-feira (17), a equipe técnica da 2ª Vara da Infância de Natal estará na maternidade Antônio Prudente, da Hapvida, para conversar com os enfermeiros e técnicos responsáveis do hospital. A equipe do “Atitude Legal” já esteve no Hospital da Unimed para fazer essa mesma orientação aos profissionais da saúde e diretoria do hospital.

CBF agenda primeiro jogo entre América-PE e América-RN para terça-feira

A Confederação Brasileira de Futebol emitiu comunicado nesta sexta-feira e confirmou a mudança do adversário do América-RN na segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro. Sai o Bahia de Feira, punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva com a perda de três pontos, e entra o América-PE. A entidade também agendou os dois jogos pelo mata-mata. O primeiro jogo entre América-PE e América-RN está marcado para terça-feira, 19h15, no Estádio dos Aflitos (foto), em Recife. A partida de volta será no dia 23, domingo, às 17h, na Arena das Dunas, em Natal.

Cegueira afeta 39 milhões de pessoas no mundo

Atualmente, estima-se que a cegueira afete 39 milhões de pessoas em todo o mundo e que 246 milhões sofram de perda moderada ou severa da visão. Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS) e constam no recente documento “As Condições da Saúde Ocular no Brasil 2019”, elaborado pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO).

Ameaça de novo deslizamento em barreira interdita parte da BR-230

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) voltou a interditar parte do km 19, da BR-230, sentido João Pessoa-Cabedelo, na manhã deste domingo (16). A barreira do Castelo Branco, que fica às margens da rodovia, apresentou novos sinais de deslizamento e o acostamento está comprometido com barro. O trânsito flui apenas em uma faixa por medida de segurança.

Estudos de anticoncepcionais masculinos avançam

O desenvolvimento de métodos contraceptivos para homens, que começam a surgir na forma de pílula e gel, avançam em universidades e centros de pesquisa pelo mundo. Mas os estudos ainda esbarram em desafios técnicos, econômicos e culturais. Os homens têm, hoje, só duas formas de evitar uma gravidez: realizar uma vasectomia ou usar camisinha (método que protege também contra doenças sexualmente transmissíveis, então médicos não recomendam que seja substituído). Há quem arrisque o coito interrompido, mas a OMS (Organização Mundial da Saúde) considera este como um dos métodos menos efetivos de contracepção.

ABC perde na estreia de Roberto Fernandes

O ABC enfrentou o Sampaio Corrêa/MA neste sábado (15), no Estádio Castelão, em São Luis, a capital maranhense. O jogo foi válido pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. O time potiguar fez um jogo equilibrado, mas teve o jogador Anderson Rosa expulso no segundo tempo e perdeu por 1 a 0. O gol dos donos da casa foi marcado por Eloir, no começo da partida. Com o resultado na estreia do técnico Roberto Fernandes, o ABC permaneceu com quatro pontos conquistados e ficou na 10ª colocação na classificação do Grupo A. A próxima partida está marcada para a sexta-feira (21), quando enfrentará o Globo, às 20h, no Frasqueirão.

Operações bancárias pelo celular crescem 565% em quatro anos

Com mais de uma linha de telefonia móvel por habitante, o Brasil vem experimentando um crescimento exponencial no uso do celular para realização de operações bancárias. Esse volume saltou de 4,7 milhões, por meio do mobile banking em 2014, para 31,3 milhões no ano passado, um crescimento de 565%. No mesmo intervalo, a representação das transações por smartphones passou de 10% do total para 40% em 2018, tornando-se a principal entre as demais modalidades.

Joelma e Bonde do Brasil fazem shows no São João 2019 de Campina Grande neste domingo

A cantora Joelma e a banda Bonde do Brasil são as atrações principais na programação do São João 2019 de Campina Grande deste domingo (16), no palco principal da festa, que acontece no Parque do Povo e vai até o dia 7 de julho. Além das atrações, a noite conta ainda com shows do cantor Aduílio Mendes e da banda Forró da Barka.

Veja a programação completa do São João 2019 de Campina Grande. Conforme a assessoria da Medow Promo, empresa que organiza o evento, as atrações no palco principal, localizado na arena de shows da festa, começam a partir das 20h30, com o show de Aduílio Mendes. Em seguida, às 22h30, a animação do público fica por conta da cantora Joelma. Já às 0h15, a banda Bonde do Brasil sobe ao palco.

Realidades eleitorais para 2020 no RN

Duas realidades para a sucessão Municipal  de 2020 da tromba ao rabo do elefante no RN. Primeiro, com muita raridade os atuais prefeitos serão reeleitos. Segundo, com muita raridade os atuais prefeitos que não mais concorrerão à reeleição elegerão seus sucessores. É o que estão revelando as pesquisas.

O esforço de Vivaldo Costa para 2020

Por mais que o deputado estadual Vivaldo Costa se esforce para fazer um acordo com a sua aliada e governadora do Rio Grande do Norte Fátima Bezerra em torno do nome do candidato Judas Tadeu para prefeito Caicó, ela se mantém irredutível. Vai dialogar com as forças de primeira hora que ficaram com seu nome na campanha passada. Vivaldo apoiou no primeiro tempo o candidato a governador, Robinson Faria.

Gustavo Franco, ex-BC, e Salim Mattar, secretário de Guedes, são cotados para lugar de Joaquim Levy no BNDES

Com a permanência ameaçada pelo presidente Jair Bolsonaro, integrantes da área econômica já falam reservadamente sobre quem são os mais cotados para substituir o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social(BNDES), Joaquim Levy. A avaliação é a de que a permanência de Levy tornou-se insustentável depois da bronca em público do presidente. Segundo apurou o Estadão/Broadcast, largam na frente Gustavo Franco, ex-presidente do Banco Central que assumiu a presidência do conselho do BNDES neste ano, e Salim Mattar, secretário especial de Desestatização e Desinvestimento do Ministério da Economia. Também estão no páreo Carlos Thadeu de Freitas, ex-diretor do banco, e Solange Vieira, funcionária de carreira do BNDES e atual presidente da Superintendência de Seguros Privados (Susep). Bolsonaro afirmou neste sábado que Levy está com a “cabeça a prêmio”. O presidente ameaçou demiti-lo na próxima segunda-feira, 17, caso ele não suspenda a nomeação do advogado Marcos Barbosa Pinto para o cargo de diretor de mercado de capitais do banco de fomento.

Continue lendo

Olho o buracão aê, Fátima!

A governadora do Rio Grande do Norte Fátima Bezerra ouviu uma reclamação ontem, sábado (15) em Caicó. Ao avistar Fátima caminhando na Feira de Negócios na Ilha de Santana um gaiato gritou em voz alta: olha o buracão na estrada Fátima! Numa alusão ao péssimo estado de conservação em que se encontram as estradas do Seridó.

Azevedo é mais um em 2020

O deputado estadual Coronel Azevedo não descarta disputar a prefeitura de Natal nas eleições de 2020. Para o prefeito e candidato à reeleição Álvaro Dias,  quanto mais cabra mais cabrito. Além de Azevedo outros nomes vão se arriscar na aventura.

Estudo indica que ingestão de carne vermelha eleva risco de morte precoce

O consumo de carne vermelha, especialmente a processada, foi associado a um aumento da mortalidade, segundo um estudo que acompanhou dados de mais de 81 mil pessoas ao longo de oito anos. O trabalho, da Faculdade de Saúde T.H.Chan de Harvard, foi publicado na edição mais recente da revista British Journal of Medicine e também revela que, durante o período, homens e mulheres que reduziram a quantidade do ingrediente na dieta, buscando alternativas mais saudáveis, tiveram taxas de mortalidade mais baixas. Nos últimos anos, um robusto corpo de evidências científicas tem demonstrado que o consumo alto de carne vermelha tem relação com o surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes 2 e alguns tipos de câncer — a Organização Mundial da Saúde (OMS) chegou a incluir esse alimento na lista das substâncias carcinogênicas. Esse, porém, é o primeiro estudo longitudinal que examinou como mudanças na ingestão de carne vermelha ao longo do tempo pode influenciar o risco de morte prematura.