Dia: 26 de outubro de 2014

Crivella diz que recorrerá até ao TSE para cassar o mandato de Pezão

O candidato ao cargo de governador do Rio de Janeiro,Marcelo Crivella (PRB), concede entrevista (Fernando Frazão/Agência Brasil)

O candidato derrotado ao governo do Rio de Janeiro pelo PRB, Marcelo Crivella, disse, hoje (26), que espera assumir o governo do estado se a Justiça Eleitoral cassar a candidatura do governador Luiz Fernando Pezão, vencedor das eleições. Crivella ressaltou que Pezão responde a 13 ações por irregularidades na campanha, incluindo abuso de poder econômico, abuso de poder político e por uso da máquina pública. “Espero a cassação do registro. Se houver cassação, ele não vai ser diplomado e entra o segundo colocado. Tenho todas as esperanças [de assumir o governo], não só eu como 3 milhões 450 mil fluminenses que votaram em mim. Nós estamos com esperança que o tribunal julgue, faça justiça”, disse Crivella, em entrevista na sede do comitê de campanha.

Crivella adiantou que, se houver vitória de Pezão no Tribunal Regional Eleitoral, pretende recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “Nós vamos até o final. Se ele perder aqui, o PMDB deve recorrer ao TSE, mas a luta será árdua”. O candidato do PRB comentou também a vitória da presidenta Dilma Rousseff, do PT, sobre Aécio Neves, do PSDB, e disse que isso compensava sua derrota ao governo do estado. “Foi um alívio e uma alegria. A vitória da presidenta Dilma compensa as tristezas que nós passamos no âmbito regional”.

Dilma e Aécio agradecem aos eleitores nas redes sociais

Reeleita, a presidenta Dilma Rousseff agradeceu aos eleitores nas redes sociais. Em mensagem divulgada no Twitter e no Facebook, a candidata reeleita pelo PT diz: “Muito obrigada! #Dilmais4anos”. A mensagem é acompanhada de uma foto de Dilma com o braço erguido mostrando o número 2 com a mão. No Twitter, Dilma tem 6,3 mil curtidas e 11 compartilhamentos. No Facebook, foram 174 mil curtidas e 103,5 mil compartilhamentos. A publicação foi feita quando o resultado foi oficializado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com 99,52% das urnas apuradas, Dilma tem 51,59% dos votos válidos e Aécio Neves, do PSDB, 48,41%. Aécio também agradeceu aos eleitores. Publicou no Facebook uma foto com os braços abertos com a mensagem: “Obrigado!”. A publicação, feita há poucos minutos, teve 24 mil curtidas e 1,6 mil compartilhamentos.

No Twitter, a equipe do candidato publicou techos do discurso feito por Aécio. “Muito obrigado. Eu serei eternamente grato aos brasileiros que me receberam tão bem”; “Aécio diz que que já ligou e cumprimentou à presidente reeleita”; e “Aécio afirmou ainda que fez uma campanha honrada para unir o Brasil”.

Fábio Dantas diz que resultado surpreendeu

fabio aeroporto

O deputado estadual e novo vice-governador, Fábio Dantas (PCdoB) comentou o resultado do segundo turno das Eleições Gerais 2014, que apontou para a vitória do companheiro de chapa, Robinson Faria (PSD), como novo governador do Rio Grande do Norte. “Esse resultado surpreendeu inclusive a gente. Esperávamos ganhar as eleições, mas não com uma margem tão grande”, disse ao Nominuto.com.

E completou falando sobre os números de votos neste segundo turno. “Eu acho que o que consolidou a vitória foi o número de eleitores votantes, que foi superior ao primeiro turno”. Com 100% das urnas apuradas, Robinson somou 877.268 (54,42%). O adversário neste segundo turno, Henrique Alves (PMDB) somou 734.801 (45,58%). Votos brancos representaram 3,07%, ou seja, 58.770. Nulos foram 244.893 (12,78%). Ao todo o RN computou 1.612.069 (84,15%) votos válidos.

Em seu twitter, João Maia comenta resultado das eleições

joao apodi

Através do seu Twitter, o deputado federal e candidato a vice-governador de Henrique Alves (PMDB), João Maia (PR), fez a seguinte declaração após o resultado das urnas no segundo turno. “Foi feita a vontade do povo. Parabéns e que Deus ilumine os novos dirigentes do nosso Estado. Que nossa gente possa viver anos de prosperidade”, postou João Maia.

Suely Campos é eleita governadora de Roraima

A candidata Suely Campos (PP) acaba de ser confirmada como a nova governadora de Roraima. Com 94% das urnas apuradas, ela obteve 55% dos votos válidos, contra 45% do seu adversário, Chico Rodrigues (PSB). Até o momento, a apuração só não está definida no Acre, onde o governador Tião Viana (PT) disputa a reeleição contra o deputado Márcio Bittar (PSDB).

Os outros governadores eleitos são:
– Distrito Federal: Rodrigo Rollemberg (PSB)
– Goiás: Marconi Perillo (PSDB)
– Rio Grande do Sul: José Ivo Sartori (PMDB)
– Rio de Janeiro: Luiz Fernando Pezão (PMDB)
– Mato Grosso do Sul: Reinaldo Azambuja (PSDB)
– Amapá: Waldez (PDT)
– Paraíba: Ricardo Coutinho (PSB)
– Rio Grande do Norte: Robinson (PSD)
– Ceará: Camilo (PT)
– Rondônia: Confúcio Moura (PMDB)
– Pará: Simão Jatene (PSDB)
– Amazonas: José Melo (Pros)

Maioria de Robinson foi esmagadora em Mossoró

Em Mossoró, Robinson Faria (PSD) venceu as eleições no 1º turno com uma vantagem de 23.392 contra o adversário Henrique Eduardo Alves (PMDB).

Agora a maioria de Robinson no 2º turno aumentou para 48.135 votos.

Vicentinho: partido terá de rever onde falhou e onde precisa melhorar

vicentinho universidade

O líder do PT na Câmara, deputado seridoense Vicentinho (SP), em entrevista há pouco para a Rádio Câmara, reconheceu que o partido deve discutir profundamente as ações para o segundo mandato da presidente Dilma Rousseff, eleita neste domingo. Vicentinho acrescentou que o partido terá de avaliar onde falhou e onde precisam melhorar para obter mais entendimento no Congresso Nacional. O líder reclamou, no entanto, que o Congresso ficou mais conservador.

Questionado sobre a divisão entre os partidos da base aliada, visto que muitos apoiaram o candidato Aécio Neves, Vicentinho acentuou que “será necessária uma boa conversa com os partidos da base aliada e também com os novos partidos.” Para o líder, o Congresso será fundamental para a caminhada do partido.” O líder disse ainda que a intenção agora é atuar com a participação do povo. “Embora os ataques tenham sido criminosos, o povo reconheceu o nosso trabalho”.

 

José Melo é o próximo governador do Amazonas

Com 55,77% das urnas apuradas, o candidato do PROS, José Melo, está matematicamente eleito governador do Amazonas, com 55,77% dos votos válidos já apurados. Eduardo Braga, do PMDB, tem 44,23% dos votos válidos. Até o momento, os votos brancos somam 1,58% e os nulos 7,54%. A abstenção está em 22,12%.

Economista formado pela Universidade Federal do Amazonas, José Melo, 68 anos, já foi eleito deputado federal duas vezes (1994 e 1998). Conhecido também como professor José Melo, ele se tornou deputado estadual em 2002. Em 2010, foi eleito vice-governador na chapa encabeçada por Omar Aziz (PSD), que deixou o cargo este ano para concorrer a uma vaga ao Senado.

Robinson é eleito governador do Rio Grande do Norte com 54,42% dos votos

robinson voto

Eleito com mais de 877 mil votos, o candidato da coligação Liderados pelo Povo Robinson Faria (PSD) é o novo governador do Rio Grande do Norte. Ao lado de familiares e correligionários, Robinson agradeceu emocionado aos eleitores do Estado. “A nossa vitória representa a vitória da liberdade, da coragem e da resistência. Representa a vitória do povo potiguar!”, destacou Robinson.

Nota da vitória:

Primeiro lugar quero agradecer a Deus e aos mais de 877.196 mil potiguares pelos votos de confiança ao nosso projeto! A nossa vitória representa a vitória da liberdade, da coragem e da resistência. Representa a vitória do povo potiguar! A minha esposa Julianne, brava companheira de todas as horas. Uma das primeiras que me incentivou nesta caminhada, a minha eterna gratidão e amor. Obrigado por cuidar da nossa família quando eu estive ausente, desbravando o Rio Grande do Norte. Obrigado por tudo!

Aos meus filhos, Fábio, Nathalia, Janine, Maria Fernanda, Maria Luiza e Gabriel, todos, cada um com seu jeito, pelo apoio constante, as palavras e o carinho. Vocês foram fundamentaiAos partidos de nossa coligação, PT, PC do B, PP, PT do B, PEN, PRTB e PTC, obrigado por acreditarem no nosso sonho.

A meu vice-governador, Fábio Dantas. Você foi um gigante! De forma estratégica, altiva e jovial, você será, sem dúvida, um excepcional companheiro de governo. Parabéns! A minha senadora Fátima, a primeira de origem popular da história do nosso Estado. Fátima, muito obrigado! Você e o PT foram parceiros muito importantes e comprometidos com a nossa eleição!

Aos nossos deputados eleitos, José Dias, Fernando Mineiro, Galeno Torquato, Dison Lisboa, Cristiane Dantas, Carlos Augusto Maia, eleitos na nossa coligação Liderados pelo Povo, o nosso muito obrigado!

Aos nossos prefeitos, vereadores, ex-prefeitos, lideranças que nos apoiaram, motivaram e fizeram a campanha mais bonita do Rio Grande do Norte! Aos militantes de todos os partidos! O entusiasmo que vocês levaram às ruas contagiou o RN.

Muito obrigado!

Fui eleito para governar para todos os potiguares e por isso reafirmo o meu compromisso em fazer um governo técnico, focado na eficiência da máquina pública e no desenvolvimento social e econômico do Rio Grande do Norte. Mais de quatrocentas mil pessoas ainda vivem abaixo da linha da pobreza. Por isso, como disse em toda a campanha, vou trabalhar para os últimos por mais justiça social, por um Estado mais solidário.

Não vou governar pensando na próxima eleição; eu vou governar pensando nas próximas gerações. E como disse o Presidente Lula, agora é hora de reconstruir a história política do Rio Grande do Norte. Me alimentei de fé, coragem e resistência! LUTAREI PARA SER O MELHOR GOVERNADOR DA HISTÓRIA DO RIO GRANDE DO NORTE.

Muito obrigado!

Fátima Bezerra: “Por mais mudanças e mais futuro”

fatima voto

A senadora eleita Fátima Bezerra (PT) votou na manhã deste domingo (26), em Natal, ocasião em que já se mostrava bastante confiante com a reeleição da presidenta Dilma Rousseff, bem como a eleição de Robinson Faria (PSD) para o governo do RN. “Por mais mudanças e mais futuro votei Dilma presidenta. E para um RN melhor para todos e todas votei em Robinson”, declarou.

Dilma Rousseff é reeleita presidente da República

dilma expozebu

A presidente Dilma Rousseff (PT) foi reeleita neste domingo, 26, para a Presidência da República. A candidata do PT liderou a disputa pelo Palácio do Planalto, na reta final, contra o candidato tucano Aécio Neves. A reeleição de Dilma foi confirmada às 20 horas, momento em que o TSE já havia apurado maior parte seções.

Com 95% das urnas apuradas, Dilma e Aécio estão praticamente empatados

Com 95,08% das urnas apuradas, a candidata Dilma Roussef (PT) lidera a disputa pela Presidência da República, com 50,99% dos votos válidos. Aécio Neves (PSDB) aparece com 49,01%. Os votos em branco somam 1,72% e os nulos, 4,65%. Até o momento, a abstenção registrada é 19,99%.

Com 95% das urnas apuradas, Dilma e Aécio estão praticamente empatados

Com 95,08% das urnas apuradas, a candidata Dilma Roussef (PT) lidera a disputa pela Presidência da República, com 50,99% dos votos válidos. Aécio Neves (PSDB) aparece com 49,01%. Os votos em branco somam 1,72% e os nulos, 4,65%. Até o momento, a abstenção registrada é 19,99%.

Henrique Alves: “desejo boa sorte ao governador eleito”

O presidente da Câmara, Henrique Alves (PMDB), fez um pronunciamento admitindo a derrota nas urnas às 18h50 deste domingo (26). Ele disse que “saio de cabeça erguida dessa bonita campanha, na qual me entreguei de corpo e alma. Saio tranquilo. Desejo boa sorte ao governador eleito. Estamos preparados para fazer uma oposição vigilante e responsável”.

Robinson Faria é o novo governador do RN com 54,38% dos votos válidos

robinson 55

O candidato do PSD, Robinson Faria, venceu matematicamente a disputa para o governo do Rio Grande do Norte, com 54,38% dos votos válidos. Henrique Alves, do PMDB, ficou com 45,62% dos votos válidos. Até agora, foram apurados 94,34% das urnas. Os votos brancos somam 3,05% e os nulos, 12,66%. A abstenção está em 17,72%.

Robinson Faria, 55 anos, nasceu em Natal. É advogado, empresário e pai do deputado federal Fábio Faria, vice-presidente da Câmara. Entrou na política em 1986, quando foi eleito o deputado estadual mais jovem do Rio Grande do Norte. Depois, conquistou mais cinco mandatos consecutivos. Nos dois últimos mandatos, exerceu a presidência da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Atual vice-governador do estado, Robinson Faria compôs, nas eleições de 2010, a chapa liderada por Rosalba Ciarlini (DEM). Em 2011, com oito meses de governo, decidiu romper com o grupo político da governadora No primeiro turno, Henrique Alves ficou com 47,3% e Robinson Faria com 42% do votos válidos.

Ricardo Coutinho é reeleito governador da Paraíba com 53% dos votos válidos

Os eleitores da Paraíba escolheram manter Ricardo Coutinho (PSB) no cargo de governador do Estado por mais quatro anos. Pouco mais de 2,7 milhões de paraibanos foram às urnas neste domingo (26) e reelegeram o socialista. que teve 53% dos votos válidos. Ricardo Coutinho disputou o segundo turno das Eleições 2014 com Cássio Cunha Lima, do PSDB, que recebeu 47% dos votos válidos. Pouco mais de 495 mil não compareceram ao pleito, o que corresponde a cerca de 18%.

No primeiro turno, Ricardo Coutinho havia consuiqstado 46,05% dos votos, o equivalente ao apoio de 937.009 eleitores. Já o candidato tucano teve 47,44%, cerca de 965.397 dos votos válidos. Na segunda etapa das eleições, Ricardo Coutinho recebeu apoio do terceiro candidato mais votado no primeiro turno, Vital do Rêgo Filho, e do senador eleito José Maranhão. Os demais postulantes ao cargo de governador – Antônio Radical (PSTU), Major Fábio (PROS) e Tarcio Teixeira (PSOL) – não apoiaram nenhum dos concorrentes no segundo turno.

Candidato do PSDB é eleito governador de Mato Grosso do Sul

Reinaldo Azambuja (PSDB) foi eleito governador de Mato Grosso do Sul. Segundo a Justiça Eleitoral, com 97% dos urnas apuradas neste domingo (26), Reinaldo teve 721.293 votos, o que corresponde a 55,60% dos votos válidos, contra 576.091 votos, o equivalente a 44,40% para Delcídio do Amaral (PT). Veja aqui a apuração completa das urnas.
A vitória significa o fim da alternância do governo entre PT e PMDB que ocorria há 15 anos. De 1999 a 2006, governou Zeca do PT e, de 2007 a 2014, André Puccinelli (PMDB). Reinaldo também é o primeiro tucano a assumir a gestão do estado.

Dentre as principais propostas, o candidato do PSDB, defendeu novo acordo para questão da dívida do estado com a União; contratação de mais médicos para fortalecer o sistema de saúde; implantação de escolas de tempo integral; política de incentivos fiscais diferenciada para cada região; fim do ICMS garantido para micro e pequenas empresas e valorização do servidor público, instituindo a meritocracia, com metas e prêmios por produtividade, e cursos de qualificação.

Garibaldi diz que talvez faltou visibilidade para Henrique

Por volta das 18h15, o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, se pronunciou sobre a derrota nas urnas do primo Henrique Eduardo Alves (PMDB). “É preciso fazer uma análise mais profunda para não cometermos nenhuma injustiça. Faltaram votos. Henrique teve a seu favor toda uma experiência no Legislativo, mas talvez faltou visibilidade”.

Robinson Faria vence Henrique em Caicó

O vice-governador do estado, Robinson Faria (PSD), venceu as eleições em Caicó com 15.640 (51,3%), contra 14.846 (48,7%) de Henrique Alves (PMDB). Uma maioria de 794 votos (2,6%).

Em Jardim do Seridó, Robinson Faria vence Henrique

Robinson Faria também venceu nas urnas do município de Jardim do Seridó com  4.226 contra 3.533 de Henrique Alves. No município ele tinha apoio do cantor Amazan Silva e dr. Edimar que derrotaram o candidato do prefeito padre Jocimar.

Waldez Góes é eleito governador do Amapá

Waldez derrotou o atual governador do Estado, Camilo Capiberibe (PSB), e conseguiu seu terceiro mandato

O pedetista Waldez Góes, 52, foi eleito governador do Amapá após derrotar o atual chefe do Executivo estadual, Camilo Capiberibe (PSB), 42, no segundo turno das eleições. Seu principal apoio no pleito foi o senador José Sarney (PMDB). Waldez, que já foi governador por dois mandatos consecutivos (2003-2010), recebeu o apoio do PR, do PRB, do PHS e do grupo político liderado pela família Favacho – ligada ao PMDB – para a disputa da reta final do pleito.

O pedetista tentou sem sucesso conseguir o apoio da vice-governadora, Dora Nascimento (PT), e do Partido dos Trabalhadores. O presidente do PT no Estado, Joel Banha, disse que a legenda iria manter a aliança formada no primeiro turno, endossando a candidatura de Capiberibe. Acusado de “paralisar a ação de combate à corrupção do Ministério Público”, o governador eleito se disse um defensor da investigação e da punição desse tipo de crime. Segundo Capiberibe, a atitude de barrar a apuração dos casos “virou compromisso de Waldez para conquistar apoio de políticos processados”.

Durante a campanha no segundo turno, Waldez defendeu a criação de uma “central de licitações” para evitar e fiscalizar casos de corrupção nesses processos. Em 2010, Waldez foi preso pela PF (Polícia Federal) durante a operação Mãos Limpas junto com outras 17 pessoas sob a acusação de integrar um esquema de desvio de dinheiro público no Estado. O caso ainda não foi julgado.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias

Era só o que faltava

Depois de “inventarem” um Super-Homem GAY agora é a vez de inventarem um Papai-Noel. Até Papai Noel? É a destruição total dos valores da família.

Leia Mais

É muita malhação!

É insignificante o número de prefeitos do PT no Rio Grande do Norte. Ficará mais ainda nas eleições deste ano. Votar no PT é muita

Leia Mais