Dia: 9 de junho de 2014

Dilma Rousseff não morre de gripe… rsrsrs

dilma gripadaDe um leitor do blogue sobre a ausência da presidente Dilma Rousseff na inauguração do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante sob a alegação que estava gripada:

– Essa mulher gripa toda semana, é? Morrer que é bom… Nada!!!

O povo não perdoa. Rsrsrs…

Fátima se reúne com vereador Leleu para tratar de eleições e demandas para Caicó

leleu fatima

O vereador caicoense Leleu Fontes (PROS) esteve no gabinete da deputada federal Fátima Bezerra (PT), no início da noite de hoje (09), onde tratou do andamento das obras da barragem de Oiticica, o fim do Fator Previdenciário e a liberação do Aeródromo de Caicó. Na audiência também foi discutido eleições 2014.

“Esses nossos pleitos se faz sentido mediante o clamor popular. Além disso, posso dizer da imensa satisfação de ter sido recebido pela deputada Fátima Bezerra que se prestou em nos ajudar fazendo os devidos encaminhamentos. Quanto ao aspecto político é importante destacar a atuação brilhante da deputada em defesa do desenvolvimento do Rio Grande do Norte. Fátima é, sem sombra de dúvidas, a parlamentar que carreou mais recursos para o nosso estado”, reconheceu o vereador caicoense.

Sobre política, Leleu acrescentou: “Estamos vivenciando um momento pré-eleitoral. Por isso eu acredito que os norte-rio-grandenses terão uma boa oportunidade de avaliar e fazer uma boa escolha para o Senado Federal”.

Construção da UPA será iniciada essa semana em Caicó

upa caico

A prefeitura de Caicó vai iniciar essa semana a construção da Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA), no bairro Salviano Santos. A ordem de serviço já foi assinada e o prazo para a conclusão da obra, que está orçada em R$ 2.000.659,23, é 180 dias. A empresa contrata foi: A B Construções e serviços LTDA – EPP.

A UPA porte II tem nove a doze leitos de observação e uma capacidade de atender até 300 pacientes por dia. A população na área de abrangência é de 100 mil a 200 mil habitantes. A que será construída em Caicó vai abranger os Municípios de Cruzeta, Ipueira, Jardim de Piranhas, Jardim do Seridó, Jucurutu, Ouro Branco, Santana do Matos, São Fernando, São João do Sabugi, São José do Seridó, Serra Negra do Norte e Timbaúba dos Batistas.

Rosalba reúne aliados para planejar seu futuro político

rosalba RN

A governadora do estado, Rosalba Ciarlini, reuniu aliados na noite de hoje (09) para discutir seu futuro político. Na mesa das negociações o líder do Governo na Assembleia, deputado estadual Getúlio Rego, ex-deputado Ney Lopes de Sousa e dois ex-auxiliares: Leonardo Rego (SEMARH) e o advogado Carlson Gomes (IPEM RN). Na pauta a convenção do dia 15 de junho. Uma coisa é fato: Rosalba e seu esposo, secretário Carlos Augusto Rosado, ainda não desistiram de colocar no centro de discussões do DEM.

Consult registra nova pesquisa que ainda será tabulada

Depois da polêmica criada a partir do questionamento do pré-candidato ao governo pelo PSL, advogado Araken Farias, o Instituto Consult registrou nova pesquisa no Tribunal Regional Eleitoral. Os entrevistadores vão a campo a partir de amanhã (10), para ouvir 1.700 eleitores até a quinta-feira (12) em todo o Rio Grande do Norte. O resultado  será divulgado pela 96 FM de Natal no sábado (14).

questionario consult

Mudanças também no questionário para o Senado

Mudanças na pesquisa Consult, a partir desta terça-feira (10), também o Senado. Quatro farão parte do questionário: Wilma de Faria (PSB), Fátima Bezerra (PT), Roberto Ronconi (PSL) e Ana Célia (PSTU).

 

consult senado

Henrique destaca potencialidades econômicas do novo aeroporto

henrique potencial

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves (PMDB), destacou as potencialidades econômicas que o Aeroporto Internacional Aluízio Alves, inaugurado oficialmente nesta segunda-feira (09), vai proporcionar ao Rio Grande do Norte. Na presença do ministro Moreira Franco, da Aviação Civil, Henrique Alves ressaltou que, além do aumento de passageiros, o novo aeroporto terá uma maior capacidade de armazenamento de cargas, saindo de 7 mil metros quadrados do Augusto Severo para 50 mil metros quadrados.

“Isso bem trabalhado, bem conduzido, a se convencer indústrias daqui e do mundo inteiro, o Rio Grande do Norte vai deixar de ser apenas aquele estado em que os aviões com passageiros, empresários e turistas, vão passar pelas nossas cabeças e descer lá em São Paulo ou no Rio de Janeiro. Agora, se tivermos competência, responsabilidade e compromisso, esse aviões não vão mais passar por cima da cabeça do RN, eles vão descer aqui no nosso chão, na nossa terra”, discursou.

Segundo Henrique, no ano passado, foram 2 milhões e 400 mil turistas do mundo inteiro que chegaram ao RN. “Este aeroporto aqui já vai começar a capacidade de 8 milhões de passageiros que virão do Brasil e, se Deus quiser, do mundo inteiro.” Sobre a capacidade econômica, afirmou: “Podemos fazer disto aqui uma grande base industrial para o empresário que tem aqui o ponto mais próximo da Europa e dos Estados Unidos. E não será somente o aeroporto. Vai ter hotéis, parques temáticos, um novo horizonte para o RN”, acrescentou.

Fátima conversa com presidentes da INFRAERO e ANAC sobre futuro do Augusto Severo

fatima anac

A deputada federal Fátima Bezerra (PT) aproveitou a presença do presidente da INFRAERO, Gustavo Vale e do presidente da ANAC, Marcelo Guaranys, na ocasião da solenidade de inauguração do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, realizada na manhã desta segunda-feira (09), para conversar sobre o futuro do Aeroporto Augusto Severo. Fátima Bezerra pontuou a necessidade de que sejam pensadas alternativas de destinação para as instalações físicas do Aeroporto Augusto Severo, por tudo que ele simboliza para o desenvolvimento de Parnamirim e região.

A parlamentar têm participado de reuniões com o prefeito Mauricio Marques, audiências públicas na Câmara Municipal e debatido a pauta com taxistas, trabalhadores e setores produtivos. “Dei conhecimento sobre o estudo que o SEBRAE e a FIERN estão elaborando justamente para buscar caminhos que resultem na melhor destinação das instalações do aeroporto”, destacou Fátima.

Robinson Faria recebe apoio do prefeito de Lagoa Salgada

robinson lagoa salgada

O vice-governador Robinson Faria (PSD) recebeu nesta segunda-feira (9) o prefeito da cidade de Lagoa Salgada, Alexandre Justino (PSB) para uma conversa sobre as eleições 2014. Durante a reunião, o prefeito externou o apoio ao projeto político do Partido Social Democrático (PSD) para o Rio Grande do Norte e a pré-candidatura de Robinson Faria ao Governo do Estado nas eleições deste ano. “O apoio de Alexandre a nossa pré-candidatura é a resposta ao pedido da população que incentiva todos os dias nas ruas o projeto do PSD para o Rio Grande do Norte”, comenta Robinson. Nas eleições de 2012, o PSD participou da coligação do prefeito.

Rosalba relembra derrota de Henrique e afirma que não temeria confronto contra ele

Rosalba Epoca

Governadora comentou presença de Henrique Alves no Governo dela: “PMDB chegou a ocupar sete secretarias”

Nem as condenações na Justiça Eleitoral, nem os 70% de desaprovação da gestão estadual fizeram a atual governadora Rosalba Ciarlini (DEM) ficar menos confiante em sua viabilidade eleitoral. Tanto é que em entrevista concedida a revista Época, a atual chefe do Executivo do Rio Grande do Norte afirmou que não temeria enfrentar qualquer um dos candidatos postos atualmente para a disputa, o presidente da Câmara Federal, Henrique Eduardo Alves (PMDB), e o vice-governador, Robinson Faria (PSD).

“Não temeria confronto eleitoral com ninguém, porque era uma boa oportunidade para esclarecer muita coisa. Quem for governador do Rio Grande do Norte agora, vai encontrar um Rio Grande do Norte melhor. Nós ficamos entre os três estados, dito pelo próprio Tesouro, que fizemos o melhor ajuste fiscal”, afirmou a governadora, relembrando as dificuldades encontradas no início da gestão, após oito anos de administração do PSB – sendo sete deles com a ex-governadora Wilma de Faria, hoje candidata ao Senado ao lado de Henrique.

Na entrevista, Rosalba também confirmou que o presidente nacional do DEM, o senador José Agripino cobrou “viabilidade eleitoral” para que a sigla apoiasse a candidatura dela a reeleição. “Mas qual seria o problema se eu me candidatasse? Tem candidato que entrou derrotado numa eleição e acabou eleito; e outros que entraram eleitos e saíram derrotados. Uma vez um candidato foi dormir achando que tinha ganhado a eleição em Natal. No outro dia descobriu ter perdido para Aldo Tinoco, um sanitarista que não era muito conhecido. O candidato derrotado foi Henrique e o povo lá em Natal comenta muito sobre isso”, relembrou Rosalba, única governadora do DEM na atualidade.

Jornal de Hoje

ELA pode lhe matar. Saiba como

Uma doença rara, neurodegenerativa e progressiva, a esclerose lateral amiotrófica (ELA) tem o pico de incidência próximo dos 60 anos de idade. A doença, que não tem cura, só tem um tratamento aprovado, que normalmente estende a vida do paciente por quatro meses a seis meses. A ELA provoca a morte dos neurônios motores, células que fazem a conexão entre o que a pessoa quer movimentar e o músculo que executa a ação.

“É uma doença que carece muito de novos tratamento e novas medicações que possam não só ajudar a estender a sobrevida, mas também a melhorar a qualidade de vida do paciente”, avalia o pesquisador coordenador científico do Intituto Paulo Gontijo, Miguel Mitne. Segundo ele, existem no mundo diversas pesquisas clínicas que visam a aumentar a vida do paciente, mas nada é conclusivo.

O paciente com ELA tem uma perda progressiva da movimentação e normalmente morre por falência respiratória, geralmente depois que está acamado, sem movimento de perna, braços. De acordo com o especialista, depois que os sintomas aparecem, é frequente que a sobrevida seja de 3 anos a 5 anos.

Os primeiros sintomas da doença são perda de força muscular, câimbras e fasciculações (espécie de tremor involuntário). Os últimos levantamentos apontados por Miguel Mitne, no Brasil, a cada 100 mil pessoas, uma tem ELA. Em relação às mulheres, homens têm 1,2 vez mais chance de desenvolver a doença antes dos 70 anos. Em 90% dos casos de ELA não se sabe porque ela se manifestou, nos outros 10% foi percebido um caráter hereditário.

O paciente demora de seis meses a 11 meses pra ter o diagnóstico. “Quanto antes o paciente for diagnosticado melhor é a qualidade de vida dele, porque ele vai conseguir fazer uma adaptação melhor aos cuidados de que vai precisar”, explica.

O especialista ressalta que atualmente o principal tratamento de que o paciente com ELA dispõe é o cuidado multidisciplinar, com fisioterapeuta, nutricionistas e assistentes sociais. “Muitas vezes o paciente vai começar a se comunicar apenas com os olhos, é importante ter uma assistência para que ele consiga se adaptar a essa nova condição”, concluiu o pesquisador. (Agência Brasil)

Rosalba decide abrir o jogo

Da Revista Época

Governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini é um espécime em extinção em seu partido, o DEM. Enquanto o PT tem quatro governadores de estado, o PSDB cinco e o PMDB sete, o DEM tem apenas um – no caso, Rosalba. Até 2010 ela tinha a companhia de Raimundo Colombo, governador de Santa Catarina. Mas, em 2011, Colombo seguiu como vários companheiros para outro hábitat, o PSD. Agora, a espécie dos governadores corre risco de extinção no hábitat do DEM. Na semana passada, em uma reunião em Natal comandada pelo senador José Agripino Maia, ficou decidido que Rosalba não será candidata à reeleição. A intenção do encontro foi antecipar uma decisão que deveria ser tomada na convenção do partido no estado, marcada para o dia 15. Como a gestão de Rosalba é mal avaliada nas pesquisas, Agripino preferiu desistir dela para apoiar o candidato do PMDB, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves. A ideia de Agripino é, com a aliança, tentar eleger uma bancada maior de deputados estaduais e federais para sobreviver – afinal, o DEM vem diminuindo de tamanho desde 2003. Impedida de tentar a reeleição, Rosalba falou de sua situação nesta entrevista a ÉPOCA. Seus muitos momentos de silêncio durante a conversa e as escusas nas respostas dizem tanto quanto suas palavras sobre o assunto. Mesmo cuidadosa, ela vaticina: “O DEM tende a sumir”.

z

ÉPOCA – Qual é a importância para o DEM da sua não-candidatura? A senhora é a única governadora do partido.
Rosalba –
 Eu acho que você tem de perguntar a eles.

ÉPOCA – Mas qual a opinião da senhora?
Rosalba –
 Só tínhamos dois (governadores). Perdemos um. A única que ficou está sem condições de colocar seu nome. O DEM tende a sumir.

ÉPOCA – Com a decisão de impedir a sua reeleição, o DEM está se apequenando?
Rosalba – 
Eu acho que, na realidade, era para estarmos lutando para termos mais governadores, como se luta para ter mais prefeitos, que são a base das eleições. Tendo mais governador cresce também a bancada. Muita coisa eu não posso responder por eles.

ÉPOCA – Como foi a reunião da semana passada? A senhora já percebeu um clima desfavorável?
Rosalba –
 Já percebi, porque na realidade o diretório vem de longas datas, ele (o senador José Agripino Maia) é o presidente do partido, sempre foi. Então, é claro que não tem se renovado muito o diretório. Teve votos nulos, votos em branco, teve abstenções – poucas, mas teve. Então, não havia unanimidade.

ÉPOCA – A votação foi aberta?
Rosalba –
 Não, foi secreta.

ÉPOCA – O senador Agripino Maia fez algum tipo de consideração?
Rosalba – 
Não, foi só isso. Ele encaminhou mostrando a necessidade de o partido crescer suas bancadas e, para isso, não poderia ficar só (na disputa eleitoral); que o governo até então não tinha montado uma arco de alianças. Eu ponderei que, para você montar um arco de alianças, você precisa que as lideranças do partido ajudem.

ÉPOCA – A senhora está desapontada com ele?
Rosalba – 
Eu preferia não fazer nenhuma observação.

ÉPOCA – Por que?
Rosalba –
 (silêncio) Deixa… Eu estou refletindo.

ÉPOCA – A senhora conversa com o senador Agripino sobre sua situação?
Rosalba –
 Somos do mesmo estado e o conheço há mais de 50 anos. Frequenta a minha casa e nos tratamos muito bem. Sempre houve confiança de ambas as partes. Durante todo esse período, fui tentada a trocar de partido e isso poderia até ter sido mais promissor para mim politicamente. Mas eu não mudei porque Agripino era o presidente do partido e me mantive no DEM por uma questão de lealdade e respeito a ele.

ÉPOCA – Quais partidos a convidaram para que deixasse o DEM?
Rosalba –
 Tive convite do PSD, PROS, PTB, PP e de partidos menores. Qual é o partido do Marcelo Crivella? PRB. Tive convite do PRB. Mas fiquei no DEM.

ÉPOCA – Mas o que Agripino disse à senhora recentemente?
Rosalba – 
Há duas semanas estive com Agripino na casa dele em Natal. Ele disse que se eu tivesse condições eleitorais, poderia tentar. Mas qual seria o problema se eu me candidatasse? Tem candidato que entrou derrotado numa eleição e acabou eleito; e outros que entraram eleitos e saíram derrotados. Uma vez um candidato foi dormir achando que tinha ganhado a eleição em Natal. No outro dia descobriu ter perdido para Aldo Tinoco, um sanitarista que não era muito conhecido. O candidato derrotado foi (o presidente da Câmara) Henrique (Alves) e o povo lá em Natal comenta muito sobre isso. Mas voltando, se eu me candidatasse, o que poderia acontecer? Eu poderia não chegar ao segundo turno. Mas ainda assim o partido seria o fiel da balança no segundo turno e sairíamos ainda mais valorizados. Mas a preocupação era sempre com as eleições para deputados e senador porque não poderia ir só o Democratas. Eu disse que garantiria dois partidos (na aliança) e com chance de angariar o apoio de outros. Mas eu disse a Agripino que precisava de um aceno de que eu seria candidata, porque não posso propor aliança sem saber se vou ser candidata. Aí ele disse que faríamos uma reunião para ouvir o diretório.

ÉPOCA – Mas quais foram as condições impostas por Agripino para que pudesse apoiá-la?
Rosalba –
 Ele apontou com clareza as minhas dificuldades. Disse que eu precisava dessas alianças. Também se mostrou preocupado com uma questão jurídica no Tribunal Superior Eleitoral que pede minha inelegibilidade. Mas estou tranquila quanto a isso. No meu caso só cabe uma multa, não a inelegibilidade. O processo fala na chegada de um equipamento a uma semana antes da eleição. Mas eu não estive nesse local da entrega do equipamento e a presidente da comunidade beneficiada disse que eu não estava lá e que ninguém pediu voto.

ÉPOCA – O que a senhora pediu na reunião de segunda-feira?
Rosalba –
 Pedi que aguardássemos até a convenção do partido para eu ter tempo de costurar as alianças. Historicamente nenhum governador, por mais desgaste que teve, chega a uma eleição com menos de 25% – e eu já estava chegando perto, mesmo sem ser candidata. Aliás, se estou tão desgastada, por que todos têm tanto medo de me enfrentar? O partido cria todo tipo de dificuldade para eu ser candidata. É uma coisa incrível. Depois da reunião os jornais deram destaque que o partido tinha negado a legenda para a minha candidatura. Apesar de não ser oficial, pois o assunto deve ser tratado na convenção, isso dificultou a minha situação ainda mais.

ÉPOCA – E o que aconteceu?
Rosalba –
 O que me surpreendeu é que o meu apelo não foi levado em consideração.  Só que na reunião só se falou sobre eleição proporcional (deputados e senador). Quando isso aconteceu, percebi que se tratava de uma cassação branca. Deixei a reunião para não parecer que estava aceitando aquilo. Fui acompanhada de algumas pessoas.  Dizem que dar atenção às eleições proporcionais é uma decisão nacional do DEM com o objetivo de o partido crescer. Acho importante essa preocupação com as eleições proporcionais. Mas fica mais fácil tendo um candidato majoritário. Esse é o meu pensamento. Se na convenção eu percebesse que não teria condições, desistiria. Mas o partido chegou a antecipar as convenções.

Época – Quando será a convenção do DEM no Rio Grande do Norte?
Rosalba –
 Vai ser no dia 15, quando todas serão depois do dia 25. Mal começou a Copa… Era (para ser no dia) 13, é porque já gritaram lá que é o dia do primeiro jogo (da Copa) em Natal! Então, (foi) tudo montado. Assim, pareceu uma coisa muito… como se diz: não quer, não quer, não quer.

ÉPOCA – O governo da senhora tem sido mal avaliado. Numa pesquisa a senhora ficou na pior posição entre os 27 governadores.
Rosalba –
 Não digo que vou ganhar a eleição. Mas o nosso partido tinha chance de disputar a eleição. Minha candidatura levaria a eleição no Rio Grande do Norte para o segundo turno. Eu teria a oportunidade de esclarecer muita coisa sobre o meu governo.

ÉPOCA – Como a avaliação do seu governo chegou a esse nível? Isso foi levado em conta na reunião?
Rosalba –
 Não, isso não (foi levado em conta). Até porque eles sabem que isso (a avaliação do governo) vem melhorando. O governo que eu peguei, como eu disse, estava falido. Os hospitais eram o caos do caos. Com toda essa loucura, nós fizemos mutirão de cirurgias para acabar com as filas e acabamos em muitos lugares, aumentamos 88 leitos de UTI, 140 leitos de retaguarda. (o Rio Grande do Norte) É o estado que tem a maior cobertura de SAMU. Nós temos SAMU em todo estado: toda cidade com mais de 20.000 habitantes tem SAMU. Nós avançamos na oncologia, acabamos com a fila, hematologia está funcionando bem, voltamos a fazer até transplante de fígado que tinha parado. Nada é perfeito, tem muito a fazer, mas já melhorou muito. O aeroporto saiu do papel. Mérito da governadora? Luta da governadora, porque não descansei um só segundo. Teve a presença da nossa bancada? Teve e o compromisso da presidenta Dilma, mas ele vinha se arrastando há 17 anos.

ÉPOCA – Quando a senhora teve sinais de que o PMDB, que apoiava seu governo, não a apoiaria num projeto de reeleição?
Rosalba – 
Teve um determinado momento em que o PMDB, que chegou a ocupar sete secretarias, deixou o governo. Naquele momento, o PMDB já dizia que queria uma candidatura própria. Começamos a ver entrevistas. Havia sinalizações de que ele estava formando um acordo muito grande, inclusive com partidos que têm ideologias diferentes. A candidata dele ao Senado (Wilma Faria) é do partido do Eduardo Campos (PSB). Henrique Alves dizia que apoiava a (presidente) Dilma (Rousseff). Já outros partidos desse acordão querem apoiar o (senador) Aécio (Neves, candidato pelo PSDB).

ÉPOCA – Qual a vantagem do DEM em apoiar Henrique Alves?
Rosalba –
 Olha, sinceramente, eu não sei. As bases no interior reagem muito porque sempre foram partidos historicamente, adversários. Isso aí só quem pode responder é quem… Eu não discuti isso, né?

ÉPOCA – A senhora temeria confronto com Henrique Alves?
Rosalba –
 Não temeria confronto eleitoral com ninguém, porque era uma boa oportunidade para esclarecer muita coisa. Quem for governador do Rio Grande do Norte agora, vai encontrar um Rio Grande do Norte melhor. Nós ficamos entre os três estados, dito pelo próprio Tesouro, que fizemos o melhor ajuste fiscal. O Estado do Rio Grande do Norte conseguiu com o Banco Mundial o maior programa para ser desenvolvido da história do Rio Grande do Norte: US$ 540 milhões. Esse projeto começou comigo, começo, meio e fim. Já está andando o programa, começou este ano. (O estado) Nunca tinha conseguido. E conseguiu por que? Porque fez o ajuste fiscal, tem capacidade de pagamento, de endividamento e tem projetos.

ÉPOCA – A senhora tem um bom relacionamento com a presidente Dilma?
Rosalba – 
Tenho. Relacionamento republicano.

ÉPOCA – Ela ajudou a senhora?
Rosalba –
 Sempre que procurei, ela não se negou a ajudar. Isso aí eu tenho de lhe dizer: que a presidenta não criou nenhuma dificuldade. Por exemplo: a barragem de Oiticica, que havia uma dificuldade, vai ser, não vai, se é com Dnocs (Departamento Nacional de Obras de Contra às Seca), se é com o estado. Falei com ela, na mesma hora ela ligou para a (ministra do Planejamento) Míriam (Belchior) e mandou fazer a autorização da ordem de serviço.

ÉPOCA – Esse bom relacionamento com a presidente causou algum tipo de constrangimento para a senhora dentro do DEM?
Rosalba –
 Saíram dizendo que eu votaria em Dilma. Eu disse, na verdade, que poderei votar. E disse isso porque vi ações de combate à seca com as quais eu estava plenamente de acordo. Foi uma posição em cima de algo administrativo e a maneira republicana com a qual eu fui tratada pela presidente.

ÉPOCA – Houve alguma reação contrária do partido a sua manifestação?
Rosalba –
 Isso não deve ter agradado por eu ter elogiado tanto a presidenta Dilma. Eu disse que se estiver certo, eu aplaudo. Se estiver errado, também vou dizer.

ÉPOCA – Por que o DEM diminuiu tanto de tamanho?
Rosalba – 
O partido está precisando fazer uma análise de tudo isso. E acompanhar o rumo que o Brasil está tomando. É um tempo de mudanças e o DEM permaneceu muito estático.

​Sandra Rosado cobra e ministro assegura que novo aeroporto de Mossoró será construído em 2015​

sandra aero​Depois de uma conversa com a deputada federal Sandra Rosado (PSB-RN), o Ministro-chefe da Aviação Civil, Moreira Franco, anunciou que o novo aeroporto de Mossoró será construído a partir de janeiro de 2015. A notícia foi dada durante a inauguração do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, logo depois que o ministro esteve reunido com a deputada federal Sandra Rosado (PSB) que o perguntou sobre os planos do Governo Federal para o Aeroporto Dix Sept Rosado em Mossoró.

Em sua fala durante a inauguração, Moreira Franco assegurou que a cidade vai sim contar com um novo aeroporto. “E agora quero dar uma resposta à deputada Sandra Rosado que demonstrou sua preocupação com o Aeroporto de Mossoró. Deputada, quero dizer à Senhora e todos que até janeiro as obras do aeroporto de Mossoró serão iniciadas”, assegurou. Sandra Rosado já chegou a alocar várias emendas ao Orçamento Geral da União (OGU) para o Aeroporto de Mossoró; em uma delas a parlamentar garantiu R$ 40 milhões para a obra.

Caminho de Gesane será apoiar Wilma para o senado

Depois que passou a apoiar a pré-candidatura a governador de Henrique Eduardo Alves a deputada estadual Gesane Marinho deverá fechar com a pré-candidatura ao senado de Wilma de Faria.

PT nem pensar. Gesane tem alergia e sigla.

Agripino será relator da indicação de potiguar na CCJ do Senado

agripino luiz alberto

O senador José Agripino recebeu nesta segunda-feira (9) a notícia de que será o relator, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ), da indicação do nome do desembargador Luiz Alberto Gurgel de Faria para ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A informação foi dada pelo presidente da Comissão senador Vital do Rêgo (PMDB/PB).

Para o líder democrata, Luiz Alberto irá honrar a tradição do Rio Grande do Norte no STJ seguindo a trajetória do ex-ministro José Augusto Delgado. “Ele [Luiz Alberto] é um nome honrado, limpo, corajoso. Sabe negociar as coisas que precisam ser negociadas, mas também sabe ser intransigente na hora de defender o bom Direito. O Rio Grande do Norte irá colocar no STJ um nome à altura da respeitabilidade que o nosso estado quer ter”, declarou Agripino.

A previsão é de que o relatório elaborado pelo senador potiguar seja lido na reunião da CCJ da próxima semana e na reunião subsequente haverá a sabatina. Para tomar posse no STJ, o desembargador Luiz Alberto ainda precisa ter o nome aprovado no Plenário do Senado. Luiz Alberto foi o desembargador federal mais jovem do Brasil, nomeado no ano de 2000, com 30 anos, para o cargo no TRF-5. Ele ocupará a cadeira deixada pela ministra Eliana Calmon, aposentada em dezembro.

Robinson e Fafá Rosado no Pau de Arara em Mossoró

Chamou atenção a afinidade da ex-prefeita de Mossoró e pré-candidata a deputada federal Fafá Rosado (PMDB) com o pré-candidato a governador Robinson Faria(PSD) no Pau de Arara Eletrônico na abertura do Mossoró Cidade Junina.

Pareciam aliados políticos. Chamou a atenção do eleitorado mossoroense.

Fátima Bezerra dança com Leonardo Nogueira

Porém…

Chamou mais atenção ainda na abertura do Mossoró Cidade Junina a pré-candidata a senadora Fátima Bezerra dançando forró com o deputado estadual Leonardo Nogueira que é o esposo da ex-prefeita Fafá Rosado.

Midway Mall divulga horário de funcionamento durante primeiro jogo da seleção brasileira

O shopping Midway Mall informa que na próxima quinta-feira (12), dia do primeiro jogo da seleção brasileira de futebol, fechará uma hora antes e reabrirá uma hora depois do jogo. Portanto, o shopping abrirá das 10h às 16h, e reabrirá das 20h às 22h. O Midway Informa ainda que funcionará normalmente, das 10h às 22h, nos dias de jogos na Arena das Dunas.

População denuncia que campo de futebol de Acari está tomado pelo mato

campo acari

A população de Acari que o campo de futebol municipal está tomado pelo mato e sujeira. Depois de um ano e seis meses, o prefeito Isaias Cabral não teria tomado nenhuma medida para conservar o local. E pior: os vizinhos do campo temem pela segurança na região, já que lá virou ponto para usuários de droga, além de servir de criadouro de mosquito e insetos que invade as casas.

Aeroporto de São Gonçalo: “Foi no governo do PT e aliados que esse sonho hoje se torna realidade”, afirma Fátima

robinson fatima aeroporto

Presente na solenidade de inauguração do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, realizada na manhã desta segunda-feira (09), em São Gonçalo do Amarante, a deputada federal Fátima Bezerra (PT) fez questão de destacar em entrevista o papel protagonista dos presidentes Lula e Dilma, para que esse projeto, que se arrastava por quase duas décadas, saísse enfim do papel.

“O que acaba de ser inaugurado não é apenas mais uma obra. O aeroporto será um modal impulsionador do desenvolvimento do nosso Rio Grande do Norte. Quase vinte anos e os governos anteriores a Lula e Dilma não botaram sequer um paralelepípedo no aeroporto. Foi no governo do PT e aliados que esse sonho hoje se torna realidade”, disse Fátima em entrevista à imprensa.

Presidente do PT: “Acredito que Robinson é o melhor candidato para disputa”

Eraldo disse que o acordão tenta fazer uma campanha sem concorrentes

Jornal de Hoje – “O povo mudou, a sociedade mudou. Não existe mais dono do povo. O povo é livre. O povo tem formação. E o povo vai diferenciar os projetos para o Rio Grande do Norte”. A frase é do presidente do PT no Rio Grande do Norte, Eraldo Paiva, comemorando a chegada do PCdoB à aliança em torno do pré-candidato do PSD a governador, Robinson Faria, e da pré-candidata do PT ao Senado, Fátima Bezerra.  Segundo Eraldo, a sociedade saberá diferenciar as propostas da chapa Robinson/Fátima no comparativo com a chapa do pré-candidato do PMDB a governador, Henrique Alves, a qual Eraldo classifica como “acordão”.

Eraldo disse que o chamado acordão, diante da própria inquietação, ainda tenta fazer uma campanha sem concorrentes. “Se tentou fazer um grande acordão, se faz um grande acordão, com a possibilidade de não dar oportunidade ao povo do debate. Mas nós do PT com o PSD e com o PC do B agora estamos trabalhando para ter debates na eleição”. Na visão de Eraldo, Robinson é o mais preparado para governar o Rio Grande do Norte. “Eu acredito que Robinson é o melhor candidato hoje para fazer a disputa, é preparado”.

Nelter articula com Henrique visita do ministro da Integração a Oiticica

henrique nelter brasilia

O deputado estadual Nelter Queiroz (PMD) está articulando com o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves (PMDB), a visita do ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, às obras da barragem de Oiticica, para resolver pendências no pagamento das indenizações e reassentamento dos atingidos pelas águas do futuro reservatório.

Nelter espera que o ministro Francisco Teixeira possa acompanhar o presidente na próxima quinta-feira (12), durante a vinda do presidente da Câmara ao Seridó, além do diretor geral do DNOCS, Emerson Fernandes, o secretário de Recursos Hídricos, Luciano Cavalcante e o procurador Francisco Sales.

Prefeito de Natal destaca atuação de Henrique para obras de mobilidade

henrique carlos

A atuação do deputado federal Henrique Alves (PMDB) para a viabilização das obras de mobilidade da Copa foi exaltada pelo prefeito de Natal, Carlos Eduardo, nesta segunda-feira (09), durante a entrega do complexo viário Dom Eugênio de Araújo Sales, no entorno da Arena das Dunas. “Nada foi em um passe de mágica. Aqui houve uma soma de esforços. É preciso reconhecer o trabalho do presidente da Câmara, Henrique Alves. Ele merece nossos aplausos porque ajudou a conseguir os recursos para essa obra”, afirmou Carlos Eduardo, referindo-se à liberação de verba feita pelo governo federal.

Em sua fala, Henrique lembrou que levou o prefeito ao secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, o que resultou na liberação do empréstimo de R$ 70 milhões para o início das obras. “O que valeu aqui foi o trabalho conjunto para viabilizar essa belíssima obra para Natal”, destacou o deputado. Foram entregues nesta segunda-feira o viaduto estaiado na avenida Prudente de Morais, o túnel no cruzamento das avenidas Lima e Silva e Prudente e o túnel no cruzamento das avenidas Jerônimo Câmara e Prudente de Morais.

‘Se eu tiver 51% está ótimo’, diz Temer sobre votação de aliança com o PT

temer pmdb

O vice-presidente Michel Temer afirmou nesta segunda-feira que acredita que o PMDB vai confirmar, em convenção nacional, nesta terça, a aliança do partido com o PT para a disputa da Presidência da República. O vice da presidente Dilma Rousseff minimizou o movimento contrário à aliança, que existe em algumas alas do partido. “Eu não estou preocupado com o percentual, se eu tiver 51% (a favor da aliança) está ótimo”, afirmou Temer na Câmara dos Deputados, onde participa de eventos do partido”.

Questionado se uma grande votação contra a aliança não pode ser motivo de preocupação pois sinalizaria divisão interna, ele destacou que “basta a vitória”. “O deputado quando eleito com diferença de dois votos toma posse. Você acha que exite questionamento? Basta a vitória”, disse a’O Globo.

Henrique Alves recebe apoio do grupo de Gesane Marinho

henrique grupo gesane

A pré-candidatura ao governo do deputado federal Henrique Alves (PMDB) recebeu nesta segunda-feira (09) o apoio do grupo formado pela família da deputada estadual Gesane Marinho, que inclui seu pai Jurandir, ex-prefeito de Canguaretama, a atual prefeita Fátima, sua mãe, e o vereador de Natal Bertone Marinho, irmão da parlamentar. A tendência é que o apoio do grupo seja extensivo aos demais pré-candidatos da aliança.

Henrique Alves recepcionou em seu apartamento Gesane e Jurandir Marinho, que preside o PMDB em Canguaretama. Também participaram da reunião o ministro Garibaldi Filho e o prefeito de Serrinha Fabiano de Souza, ambos do PMDB. Gesane reafirmou que a falta de atenção do seu partido, o PSD, inviabilizou seu projeto de reeleição e se sentiu à vontade para conversar com Henrique Alves por perceber a postura agregadora do pré-candidato do PMDB.

“Eu sempre me coloquei à disposição nesse projeto de recuperação do Estado. Mas foi preciso outro partido enxergar a condição que eu tenho para colaborar”, disse a parlamentar. Henrique externou sua gratidão à deputada e exaltou as qualidades da nova aliada. “Uma deputada da qualidade de Gesane Marinho merece o respeito de todos os partidos. O seu apoio honrará o PMDB”, afirmou.

MPF apura irregularidade em preço cobrado por taxistas do novo aeroporto

taxiO Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) alerta: passageiros que utilizarem táxi em viagens a partir do novo aeroporto devem pedir recibo ou, sempre que possível, fazer o pagamento direto no guichê. O alerta é necessário em virtude de uma série de reclamações em relação ao preço das viagens, que estaria muito acima do que deve ser cobrado.

De acordo com o que apurou o MPF, há uma tabela que fixa os valores que a Cooperativa deve cobrar, e ela deve ser respeitada. O Ministério Público Federal já entrou em contato, tanto com a Inframérica, empresa responsável pela administração do novo aeroporto, quanto com a Prefeitura de São Gonçalo, e ambas confirmaram que a tabela permanece em vigor e que deve ser observada em todas as viagens.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias