Dia: 6 de janeiro de 2013

Corintians vence último amistoso antes da estreia no Campeonato Estadual

O Atlético Clube Corintians venceu a partida amistosa neste domingo, 06, contra do Atlético Clube Potengi, no estádio Marizão. Os donos da casa venceram por 2 a 1. Ebinho e Juliano Gaúcho marcaram para o Galo, enquanto Laureano descontou para a equipe natalense.

O técnico Cleibson Ferreira esse confirmou que esse foi o último amistoso do Corintians antes da estreia do Campeonato Estadual, no dia 13 de janeiro contra o Alecrim, às 17h, no estádio Nazarenão.

Empresário pioneiro no ramo de facções morre de infarto em São José do Seridó

Faleceu vitimado por um infarto neste hoje, 06, em São José do Seridó o empresário Simão José de Medeiros. Ele foi pioneiro no ramo de facções de confecções na região do Seridó, sendo bastante respeitado nesse ramo, além da atuação na vida pública como tesoureiro dos ex-prefeitos Bosco Costa e João Lázaro.

Simão era pai da médica Thalita Renata de Medeiros, falecida há quatro meses após sofrer um grave acidente de carro no estado de Pernambuco. O corpo do empresário será sepultado nesta segunda-feira (07) em São José do Seridó.

Foto de um milhão de votos

A foto de um milhão de votos. É assim que a turma das redes sociais está chamando esse registro feito na casa de praia do vice-governador Robinson Faria, no condomínio Porto Brasil.

Na “chapa” o vereador de Mossoró Lairinho Rosado, o deputado estadual Agnelo Alves, a deputada Márcia Maia, a federal Sandra Rosado, a vice-prefeita Wilma de Faria, o anfitrião vice-governador Robinson Faria, o prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves, a deputada federal Fátima Bezerra, o prefeito de Parnamirim Maurício Marques e a deputada estadual Gesane Marinho e o outro colega de Assembleia, José Dias.

E o pessoal do Instagram não deixa passar nada: para melhorar a contabilidade só falta o ministro Garibaldi Filho para fechar a nota dos dois milhões de votos.

Rio de Janeiro tem 3.171 desalojados e desabrigados pelas chuvas

O boletim divulgado no fim da tarde pelo governo sobre as vítimas das chuvas no estado informa que os desalojados das chuvas no estado são 2.465 e 706 os desabrigados. Em Angra dos Reis, no litoral sul, aumentou 65 para 320 a quantidade de pessoas desalojados. O município tem ainda 160 desabrigados. Em Mangaratiba, o número de desalojados passou de 90 para 500, além de 90 desabrigados.

Em Duque de Caxias, a quantidade de casas destruídas pelo temporal passou de 45 para 200. As residências danificadas passaram de 200 para 300. Os desabrigados da enchente cresceram de 276 para 478, em Xerém.

O prefeito de Duque de Caxias, Alexandre Cardoso, disse hoje que foi restabelecido o fornecimento de energia elétrica para todas as localidades atingidas pela enxurrada. O abastecimento de água deve ser retomado amanhã (7) à noite, mudando a previsão anterior da normalização só ocorrer na terça-feira (8).

TJRN encerra recesso forense

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) encerra hoje, 06 de janeiro, o recesso forense e a suspensão dos prazos processuais, que estavam em vigor desde 20 de dezembro de 2012.

No período do recesso e com o objetivo de manter a continuidade do serviço administrativo, houve plantão nas secretarias do Tribunal nos dias úteis das 8h às 12h. O plantão administrativo em nada alterou o plantão jurisdicional, permanente e ininterrupto, diurno e noturno, inclusive aos sábado, domingos e feriados e nos dias e horários em que não houvesse expediente forense.

Natal reduz remoção de pessoas em locais de obras para a Copa de 2014

Foram reduzidas as remoções de moradores nos locais de obras previstas para a Copa do Mundo em Natal (RN), Recife (PE) e Salvador (BA).  Na capital potiguar, o maior número de remoções estava previsto nas obras do Viaduto da Urbana e da Avenida Capitão-mor Gouveia. De acordo com o comitê popular local, cerca de 400 unidades seriam removidas. “Com a pressão popular, esse número diminuiu bastante”, comemora a arquiteta Rosa Pinheiro de Oliveira, integrante do Comitê Popular da Copa de Natal.

Para Rosa Oliveira, essa revisão no projeto restabelece o direito à participação que devia ter sido garantido à população daquela área, mas que não estava sendo respeitado. “Começou a ser feito sem planejamento e sem dar oportunidade de a gente discutir o projeto. Isso acaba tendo influência na questão do cronograma, mas esse não é o nosso objetivo. Nosso objetivo principal é garantir todos os direitos assegurados na constituição, no Estatuto das Cidades, no Plano Diretor, inclusive o direito de participar das decisões que nos afetam”, argumenta.

George Soares lamenta descaso com a ZPE do sertão

Diante da matéria publicada no Jornal Tribuna do Norte, na manhã deste domingo (6), que traz a possibilidade do município de Assu ficar sem a ZPE do sertão, o deputado George Soares lamentou a pouca atenção por parte do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal do Assu, dada ao projeto.

A ZPE do Sertão é uma grandiosa ação que entre outros objetivos visa a criação de 50 mil empregos diretos, bem colo o fortalecimento e o desenvolvimento econômico e social do estado. Preocupado com a questão, o parlamentar propôs inúmeras iniciativas com o objetivo de discutir e dar celeridade ao projeto. Dentre suas ações constam vários debates no plenário da Assembleia Legislativa; audiências públicas em Assu, Apodi e Caicó; reuniões com os dirigentes do Conselho Nacional das ZPEs e total apoio a instalação de uma fábrica de envasamento de água de coco, que segundo o republicano, poderia ser a oportunidade para que o projeto possa enfim ser consolidado.

“Fiquei bastante preocupado ao ler a matéria mo Jornal Tribuna do Norte. O risco é eminente. Venho fazendo tudo que está ao meu alcance para viabilizar a ZPE do Sertão. Sou um defensor do projeto e quero renovar meu esforço para continuar lutando por essa importante obra, além disso, espero mais comprometimento por parte do Governo do Estado e da Prefeitura do Assu”, comentou George Soares.

Inscrições para o Sisu começam amanhã

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) abre as inscrições a partir de amanhã (7) até a próxima sexta-feira (11) para os estudantes que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O sistema oferece 129.279 vagas em 3.751 cursos oferecidos em 101 instituições públicas de ensino superior.

Podem concorrer às vagas todos os alunos que fizeram o Enem e tiveram nota maior que zero na redação. É preciso entrar no SITE do sistema, para fazer a inscrição. Cada estudante pode selecionar até duas opções de cursos, especificando a ordem de preferência, o nome das instituições e o turno.

Além disso, será possível também escolher a modalidade de concorrência. O Sisu se adequará à Lei de Cotas, de agosto de 2012. As inscrições são gratuitas e as instituições de ensino devem ofertar acesso à internet aos estudantes interessados.

De acordo com o cronograma do Sisu, publicado no Diário Oficial da União do último dia 26, as inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, no portal do Sisu. Para a seleção no primeiro semestre de 2013, vale a nota do Enem 2012, divulgada pelo Ministério da Educação (MEC) no último dia 28.

O resultado da primeira chamada do Sisu será divulgado no dia 14 de janeiro e da segunda chamada, no dia 28 de janeiro, no site do Sisu e das instituições. As matrículas serão feitas nas instituições nos dias 18, 21 e 22 de janeiro para a primeira chamada e dias 1, 4 e 5 de fevereiro para a segunda.

Pedra Preta volta a tremer

Tremores de terra foram sentidos no município de Pedra Preta, distante 150 quilômetros de Natal. Os sismógrafos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN), registraram duas ocorrências , na manhã desse sábado, 5. O primeiro foi às 9h18, com magnitude de 3.6 graus na escala Richter. O segundo tremor ocorreu menos de uma hora depois, às 10h01 e teve magnitude 2.8. A escala Richter vai até 9 graus.

Em dezembro passado, no dia 21, uma série de tremores de terra foi registrada também em Pedra Preta. O mais forte, segundo o Departamento de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), apresentou magnitude de 3.5 graus na escala Richter, considerado moderado. No mesmo dia,  tremores também foram sentidos na cidade de Jandaíra, a 116 quilômetros de Natal.

Da Tribuna do Norte

Projeto torna públicos sigilos bancário e fiscal de candidatos a cargo eletivo

As informações bancárias, fiscais e sobre o patrimônio de políticos poderão ser públicas a partir do registro das candidaturas. É o que propõe o senador Cristovam Buarque em iniciativa que está em análise na comissão de constituição e justiça.

Pela proposta do senador Cristovam Buarque do PDT do Distrito Federal, a partir do momento em que for oficializada a candidatura para qualquer posto dentro da política brasileira, de vereador à Presidência da República, as informações passam a ser públicas.

Dados bancários, fiscais e sobre patrimônio ficam, automaticamente, à disposição do Ministério Público, dos Tribunais e dos Conselhos de Contas e até mesmo de organizações da sociedade civil organizada, desde que registradas na Justiça Eleitoral. Cristovam acredita que esta medida será importante para o combate à corrupção.

Ministro Garibaldi Filho participa de Festa de Reis em Taipú

O ministro da Previdência, Garibaldi Filho, esteve ontem (05) presente à tradicional festa de Santos Reis, no município de Taipú, há cerca de 60 quilômetros de Natal. Recepcionado pelo empresário Afrânio Miranda, presidente do PMDB municipal, Garibaldi esteve ao lado do prefeito Louvado Bandeira (PSD) e da vice Leônia Maria cumprimentando a população e correligionários. Hoje à tarde o ministro participa ainda da Procissão de Santos Reis, tradicional evento religiosa da capital do estado.

Folha de São Paulo inicia fritura de Henrique Alves

Na matéria “Governo se preocupa com o fortalecimento do PMDB”,a Folha de São Paulo lembra que o partido se prepara para voltar ao comando do Congresso no mês que vem e preocupa setores do governo, que preveem negociações mais duras e risco de aprovação de leis que podem ser ameaça ao equilíbrio fiscal.

O partido já conta com o vice-presidente da República, Michel Temer, e deve pela sexta vez, desde a Constituição de 1988, ocupar por dois anos outros dois cargos na linha sucessória da presidente Dilma Rousseff: os comandos da Câmara e do Senado.

Tudo aponta para a eleição, no dia 4 de fevereiro, do deputado Henrique Eduardo Alves (RN) e do senador Renan Calheiros (AL), que não têm hoje adversários competitivos. Eles deverão suceder Marco Maia (PT-RS) e José Sarney (PMDB-AP).

Os cargos aumentarão o poder de barganha da sigla, que já tem a maior bancada no Senado e a segunda maior da Câmara. Se vitoriosos, os peemedebistas controlarão a pauta de votações das Casas, a criação de CPIs e ocasionais pedidos de impeachment da presidente da República.

O futuro chefe da Câmara terá ainda papel de peso para decidir pelo cumprimento da ordem do Supremo Tribunal Federal para a cassação dos mandatos dos deputados.

O debate sobre a palavra final dos mandatos -se cabe ao STF ou ao Legislativo- é motivo de divergentes interpretações. Para Alves, a atribuição é do Congresso. A hipertrofia do PMDB inquieta o governo em especial devido aos desafios da economia -já que, em 2012, o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) ficou muito abaixo das expectativas.

Nas gavetas dos dois plenários, não faltam propostas que ampliam os gastos públicos e colocam em risco a retomada do crescimento.

Exemplos: aumentos salariais de servidores, flexibilização nas regras de aposentadoria e engessamento de gastos – caso da emenda 20, que amplia verbas da saúde.

No rol de preocupações do Planalto há ainda uma bandeira de Alves: a aprovação de propostas que obrigam o governo a liberar metade das emendas dos parlamentares.

O governo costuma congelar esses pagamentos para cumprir a meta de superávit primário, economia para pagar os juros da dívida. A ascensão da dupla deve requerer mais atenção de Dilma com o Congresso -hoje mais distante do governo do que na época de Lula.

Folha: deputado há 42 anos tenta presidir a Câmara com ideias polêmicas

A Folha concede outros adjetivos ao deputado Henrique: Aliado do governo petista de Dilma Rousseff. Companheiro do tucano Aécio Neves em viagem ao exterior. Apoiador do ascendente Eduardo Campos (PSB), governador de Pernambuco. Amigo da bancada ruralista.

O peemedebista Henrique Eduardo Alves (RN) desliza entre forças concorrentes no Congresso com um objetivo central: aos 64 anos, “Henriquinho”, como é conhecido, quer ser presidente da Câmara, cargo pelo qual está em campanha há três anos.

A pretensão de presidir a Casa já estava expressa num slogan de 2010, quando se elegeu deputado pela 11ª vez: “Vote em um e leve três: deputado, presidente da Câmara e presidente da República em exercício”.

Herdeiro político do clã iniciado pelo governador do Rio Grande do Norte Aluísio Alves (1921-2006) e deputado há 42 anos, sete deles à frente da liderança do PMDB, Henrique Alves fez acertos eleitorais às custas de seu próprio partido. Exemplo: em 2011, trabalhou informalmente em favor de Ana Arraes, mãe de Eduardo Campos, para o Tribunal de Contas da União (TCU). Só que o PMDB tinha candidato ao cargo. Em retribuição, Campos recusa-se a declarar apoio ao candidato do PSB, Júlio Delgado (MG), que concorre contra Alves sem aval do presidente nacional da legenda.

Parceiro do vice-presidente da República, Michel Temer, o favorito para comandar a Câmara carrega promessas de campanha capazes de tirar o sono de Dilma. Uma delas é a defesa de equiparação automática do salário dos deputados ao dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), atualmente de R$ 20.059. O gatilho depende da aprovação  de uma emenda no Congresso. “A emenda está pronta. Não sei por que não foi aprovada. Esse não pode ser um tema clandestino. Tem que ter critério. Fica defensável”, diz.

Sobre seu plano de instituir o pagamento obrigatório de “um percentual significativo das emendas individuais”, afirma: “Todos os governos estabelecem  essa humilhação que é o parlamentar ficar mendigando por um direito dele. De repente, se tornou um toma lá dá cá por uma postura inadequada”.

Hoje porta-voz do discurso corporativista do Congresso, Henrique Alves nunca transitou pelo chamado “baixo clero” da Câmara. O peemedebista não conseguiu extrapolar os limites do Congresso, sendo derrotado nas três vezes em que se aventurou no Executivo. Na escalada pelo presidência da Câmara, só não esconde a restrição a um desafio: o favorito para ser presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB).

Maquiagem de R$ 200 bilhões ajusta meta do governo

Se o Brasil está muito longe do abismo fiscal que os EUA chegaram a ver de perto, algumas fissuras começam a surgir. Malabarismos contábeis e os novos rumos das contas públicas despertam desconfiança e já preocupam o mercado financeiro e investidores. Para analistas ouvidos pelo GLOBO, o governo vem criando mecanismos perigosos para estimular o crescimento econômico com impacto importante nos cofres públicos.

As despesas primárias (que não consideram gastos com juros) flertam com a cifra inédita do trilhão. Segundo o especialista em contas públicas do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) Mansueto Almeida, sem os artifícios contábeis, essas despesas, que devem fechar 2012 próximas de R$ 800 bilhões, já poderiam ter batido R$ 1 trilhão. Ou seja, cerca de R$ 200 bilhões mais altas.

 

Em visita a 12 estados, Henrique começa oficialmente sua campanha para a presidência da Câmara Federal

A corrida presidencial à Mesa Diretora da Câmara dos Deputados já não é mais a mesma. Gastos exorbitantes, tótens com fotos de candidatos em tamanho real e belas moças desfilando pelos corredores do Congresso com camisetas de campanha perderam o espaço que ocuparam num passado bem recente. A farra publicitária que marcou a eleição de 2005 — quando Severino Cavalcanti ganhou de virada — foi tão constrangedora que normas internas foram baixadas para moralizar as campanhas. A disputa daquele ano, por sinal, deixou lições não só no campo do marketing, mas das negociações e dos acordos políticos. Os custos — que chegaram a beirar a casa dos R$ 2 milhões em uma única candidatura — diminuíram. As campanhas ficaram mais modestas e discretas.

Nas eleições para o biênio 2013/2014, os deslocamentos aéreos representam a conta mais alta a ser paga pelos principais interessados na cadeira de presidente da Câmara.

Com o “fantasma Severino” assombrando candidatos favoritos, o nome oficial do governo para ocupar o cargo, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), já montou um cronograma de viagens. Estão previstas visitas a 12 estados, sendo seis em uma única semana.

Alves garante que o jatinho será emprestado por um colega de partido, o que restringiria os custos da empreitada ao combustível da aeronave. O valor não foi divulgado pelo parlamentar.

Cachoeira e a esposa Andressa são flagrados em resort de luxo na Bahia

Está no Correio Braziliense que o bicheiro Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, está aproveitando a lua de mel com Andressa em um resort de luxo na Península de Maraú, em Barra Grande, no sul da Bahia. Bem à vontade, o casal virou o centro das atenções e, sem nenhum constrangimento, atende os pedidos de hóspedes e turistas para tirar fotografias. Cachoeira e Andressa se casaram em 28 de dezembro, em Goiânia, após o bicheiro passar quase nove meses preso por causa do envolvimento com jogos ilegais, corrupção e tráfico de influência, flagrados pelas operações Vegas e Monte Carlo, da Polícia Federal.

O casamento era aguardado com muita expectativa. Em 25 de julho, ainda preso, Cachoeira disse em uma das audiências do processo da Operação Monte Carlo na Justiça Federal, em Goiânia, que pretendia oficializar a relação com a namorada logo no primeiro dia em que estivesse fora da prisão. Ele ganhou na Justiça o direito de responder aos processos em liberdade e foi solto na madrugada de 21 de novembro.

Rogério Mariz garante que recuperação de ruas de Natal começa amanhã

O ex-prefeito de Serra Negra do Norte e agora secretário de Obras Públicas e Infraestrutura em Natal, Rogério Mariz, garantiu que a Operação Tapa-Buracos será retomada amanhã (7).

A previsão é recuperar 140 ruas e avenidas e concluir, dentro de quatro meses, o recapeamento asfáltico. E a conta é alta: R$ 11,2 milhões, sendo R$ 10 milhões do governo federal e o restante de contrapartida do município. Rogério salientou que começará nos pontos mais críticos, pois a verba serão liberada totalmente no mês de fevereiro.

Prefeita convoca servidores de Canguaretama para recadastramento

A prefeita de Canguaretama, Fátima Marinho, convocou todos os servidores ativos da administração direta para comparecerem pessoalmente a sede da Prefeitura a fim de realizar recadastramento funcional. O objetivo é atualizar a base cadastral dos servidores públicos efetivos e ativos do Município.

O recadastramento acontece entre os dias 7 e 18 de janeiro, das 8h às 15h, no setor pessoal da Prefeitura. O servidor deve se apresentar portando duas fotografias 3×4 e originais e cópias dos seguintes documentos: identidade; CPF; carteira de trabalho; título de eleitor; quitação com a Justiça Eleitoral; regularidade com o serviço militar, se for do sexo masculino; certidões de nascimento ou casamento e dos dependentes; comprovante de escolaridade; inscrição no PIS/ PASEP, caso possua; última declaração de imposto de renda; termo de posse, para os concursados; e dados bancários.

O servidor que não realizar o recadastramento no prazo previsto terá o pagamento de suas remunerações automaticamente suspenso, situação que só será restabelecida após a regularização do cadastro junto ao Município.

O Globo destaca nepotismo em Carnaubais

Nem bem assumiram o comando de suas cidades, na última terça-feira, prefeitos de municípios brasileiros já tomaram como uma de suas primeiras decisões nomear parentes para cargos remunerados de primeiro e segundo escalões. Em prefeituras do Norte ao Sul do país, mulheres, mães, pais e irmãos de prefeitos eleitos ou reeleitos no ano passado foram alojados na máquina municipal.

Em Carnaubais (RN), o prefeito reeleito, Luizinho Cavalcante (PSB), indicou o irmão, Nicolau Cavalcante, para a Secretaria da Educação e a esposa, Maria Cavalcante, para a Secretaria da Assistência Social.

Em 2008, o Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou a Súmula Vinculante nº 13, que vedou o nepotismo nos Três Poderes, nos âmbitos federal, estadual e municipal. A medida proibiu a contratação de parentes de autoridades e de funcionários para cargos de confiança, de comissão e de função gratificada no serviço público.

Prefeito de Apodi garante que mesmo com curto orçamento, fará festejos do carnaval

O prefeito do município de Apodi, Flaviano Monteiro (PC do B), afirmou na manhã deste sábado (05), que mesmo diante das inúmeras dificuldades e tendo um curto orçamento irá trabalhar para realizar um grande Carnaval.

Ao longo dos últimos anos Apodi se tornou conhecida em todo estado com suas grandes festas durante o período carnavalesco. Dessa maneira, Flaviano pretende trabalhar em outras vertentes, mas manterá os eventos de carnaval que aquece a economia local com a geração de emprego e renda.

Ainda segundo o gestor, as atrações devem ser divulgadas nos próximos dias. “Nos próximos dias divulgaremos as atrações do nosso Carnaval. Orçamento curto não impedirá de fazermos grande e bonita festa” afirmou.

Fest Verão Paraíba começa com Chiclete, Aviões e Sorriso Maroto

Xand Avião e Solange, do Aviões do Forró (Foto: Adriana Noya / G1)

Começa neste domingo (6) a programação do Fest Verão Paraíba, um dos principais festivais de música da Paraíba. Neste primeiro dia, se apresentam as bandas Chiclete com Banana, Aviões do Forró, Sorriso Maroto e a atração local Ala Ursa. Festa começa por volta das 16h em palco montado na Praia de Intermares, em Cabedelo.

Ingressos com preço de 2º lote para pista ainda podem ser comprados por preços a partir de R$ 55 apenas para um dos três dias ou R$ 120 para todo o festival. Para o camarote, os ingressos custam R$ 100 para um dos dias e R$ 250 no pacote para os três dias.

Sorriso Maroto faz show em Campina Grande (Foto: Divulgação)Os ingressos para o Camarote Selecta Club, com atrações especiais, tem preços diferenciados em cada um dos dias. As entradas para o primeiro dia do festival já esgotaram. Para os dias 13 e 20 de janeiro os ingressos estão sendo vendidos a R$ 160 e R$ 200, respectivamente.

As entradas para o festival podem ser adquiridas nas lojas Esposende em João Pessoa (Centro, Mangabeira e Manaíra Shopping) e na sede do Fest Verão Paraíba, na avenida Edson Ramalho no bairro de Manaíra, n° 1.251, das 9 às 18 horas. Quem quiser, pode adquirir também pela internet no site Ingresso Rápido.

O Fest Verão Paraíba acontece até o dia 20 de janeiro e ainda tem atrações como Ivete Sangalo, Biquini Cavadão, Revelação, Garota Safada e O Rappa.

Ingressos
2° lote
Pista – R$ 55 para um dia do festival / R$ 125 pacote para os três dias
Camarote – R$ 100 para um dia do festival / R$ 250 pacota para os três dias
Camarote Selecta Club – R$ 160 (13/01) e R$ 200 (20/01)

Programação

06/01
Chiclete com Banana
Aviões do Forró
Sorriso Maroto
Ala Ursa

13/01
Ivete Sangalo
Biquíni Cavadão
Revelação
Oito7Nove4

20/01
Asa de Águia
Garota Safada
O Rappa
Gabriel Diniz

Parcelamento do Seguro DPVAT inicia neste ano

A partir deste ano, os proprietários de motocicletas, vans, ônibus e micro-ônibus poderão pagar o Seguro DPVAT em três parcelas. O benefício não será válido para veículos 0 km. As demais categorias, como carros e caminhões, não poderão dividir o seguro, visto que a parcela mínima é de R$ 70,00.

O parcelamento também não vale para os vencimentos anteriores, ou seja, os seguros atrasados devem ser pagos à vista. A opção de dividir o valor será facultativa, porém os proprietários de veículos que decidirem pelo parcelamento e não cumprirem com o prazo estabelecido pelo calendário de vencimentos deverão pagar o valor devido até o vencimento da parcela seguinte. A viabilização do parcelamento já para 2013 foi o resultado de uma cooperação entre os Detran’s, Sefaz, Agentes de Arrecadação e a Seguradora Líder DPVAT. É preciso ressaltar que os proprietários dos demais veículos, como automóveis, caminhões, caminhonetes, continuarão pagando o Seguro DPVAT de forma integral, como nos anos anteriores.

Nos Estados do ES / PB / RN e SC , aqueles que optarem por aderir ao pagamento em parcelas devem consultar o Detran local, que ficará responsável pela emissão do boleto de cobrança.

No Brasil, todo cidadão que sofre um acidente de trânsito, seja pedestre, motorista ou passageiro, tem direito ao Seguro DPVAT nos casos de morte (R$ 13.500), invalidez permanente (até R$ 13.500) e reembolso de despesas médicas e hospitalares (até R$ 2.700).

Governo se preocupa com fortalecimento do PMDB

O PMDB se prepara para voltar ao comando do Congresso no mês que vem e preocupa setores do governo, que preveem negociações mais duras e risco de aprovação de leis que podem ser ameaça ao equilíbrio fiscal.

O partido já conta com o vice-presidente da República, Michel Temer, e deve pela sexta vez, desde a Constituição de 1988, ocupar por dois anos outros dois cargos na linha sucessória da presidente Dilma Rousseff: os comandos da Câmara e do Senado.

Tudo aponta para a eleição, no dia 4 de fevereiro, do deputado Henrique Eduardo Alves (RN) e do senador Renan Calheiros (AL), que não têm hoje adversários competitivos. Eles deverão suceder Marco Maia (PT-RS) e José Sarney (PMDB-AP).

Os cargos aumentarão o poder de barganha da sigla, que já tem a maior bancada no Senado e a segunda maior da Câmara.

No rol de preocupações do Planalto há ainda uma bandeira de Alves: a aprovação de propostas que obrigam o governo a liberar metade das emendas dos parlamentares.

A ascensão da dupla deve requerer mais atenção de Dilma com o Congresso -hoje mais distante do governo do que na época de Lula.

Fonte: Folha

Programação da FIART será apresentada à imprensa

Na próxima quinta-feira, 10 de janeiro, será apresentada à imprensa, em um café da manhã no Mangai, toda a programação da 18ª edição da Feira Internacional de Artesanato (FIART), que tradicionalmente acontece em Natal durante o mês de janeiro.

Imprensa internacional destaca caso do gato capturado em presídio de Alagoas

Imprensa internacional destaca caso do gato capturado em presídio de AL

A notícia do gato que foi capturado ao entrar em um presídio de Arapiraca (AL), carregando serras, brocas, fone de ouvido, cartão de memória, celular, baterias e um carregador de telefone móvel presos junto ao corpo ganhou destaque na imprensa internacional.

Sites de jornais de vários países do mundo publicaram neste sábado (5) a notícia que ganhou destaque no Brasil na sexta-feira (4).

Sites destacam o caso do gato detido com objetos para os presos (Foto: Reprodução)

O site do “Daily Mail” destacou que os guardas foram surpreendidos quando viram o felino atravessando o portão do presídio com vários objetos presos ao corpo. “Todos os 263 detentos são suspeitos”, afirma o site. O “Daily Mirror” diz que o animal está “no esquema”, comprometido com os bandidos.

O espanhol “El norte de castilla” dá à reportagem o título: “Capturam um gato que servia como mensageiro para os presos”.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias

Fatima Bezerra nervosa no debate

A candidata a governadora Fátima Lula Bezerra demonstrou muito nervosismo  durante o debate promovido pela InterTV Cabugi. Não mostrou a mesma segurança de antes. Qual terá

Leia Mais

É lorota da CNBB

Dom Joel Portella, secretário-geral da CNBB, no lançamento da Campanha da Fraternidade, disse hoje que a cúpula dos bispos católicos ainda deve ser reunir para

Leia Mais